sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos sete mortos e dezenas de detidos em protestos na Etiópia

Sete pessoas morreram este sábado numa manifestação antigovernamental na Etiópia, na região de Oromia, dia em que os protestos chegaram à capital do país, Adis Abeba, onde dezenas de pessoas foram detidas pela polícia.

© Tiksa Negeri / Reuters

Os membros das duas principais etnias do país, os Oromo e Amhara, protestam há vários meses contra o Governo do país, acusando-o de discriminação a favor do grupo étnico Tigrayans, que acusam de ocupar posições chave no Executivo e nas forças de segurança.

Testemunhas citadas pela agência noticiosa France Presse relataram que pelo menos sete manifestantes morreram em Nemekte, no oeste do país, na região de Oromia.

Também hoje, dezenas de pessoas foram detidas numa concentração de cerca de 500 pessoas, com forte presença policial, na praça principal de Adis Abeba, gritando frases de protesto como "queremos a nossa liberdade" e "libertem os nossos presos políticos".

O primeiro-ministro da Etiópia, Haile Mariam Dessalegn, anunciou na sexta-feira a proibição de manifestações que "ameaçassem a unidade nacional" e apelou à polícia para usar todos os meios ao seu dispor para as prevenir.

Embora de dimensão pequena, o protesto de hoje foi o primeiro de um conjunto de manifestações promovidas pelos dois grupos étnicos - que representam cerca de 80% da população - a ocorrer na capital.

As autoridades da Etiópia admitem que pelo menos uma dezena de pessoas morreu em confrontos com a polícia devido a disputas territoriais nas últimas semanas.

Lusa

  • PS e BE não propõem alívio da dívida à UE
    1:55

    Economia

    O PS e o Bloco de Esquerda querem mais 45 anos para pagar as dívidas à União europeia e juros mais baixos. As medidas fazem parte da proposta dos partidos para a redução da dívida pública. No relatório que será enviado ao Governo, não é pedido qualquer perdão de dívida, ao contrário do que os partidos mais à esquerda chegaram a defender.

  • Antigos ministros de Governos de Sócrates ouvidos pelo MP
    1:54

    Operação Marquês

    Quatro antigos ministros de Governos de José Sócrates foram ouvidos recentemente pelo Ministério Público (MP), no âmbito da Operação Marquês. Mário Lino, António Mendonça, Teixeira dos Santos e Luís Campos e Cunha foram ouvidos como testemunhas. Os investigadores chamaram os antigos governantes para esclarecer decisões relacionadas com a PT.

    Notícia SIC

  • Suspeito de atropelamento mortal diz que foi mero acidente 
    2:00
  • Confrontos na primeira greve geral no Brasil em 21 anos
    1:34
  • "Está na altura de pressionarmos a Coreia do Norte"
    0:45

    Mundo

    O secretário de estado norte-americano, Rex Tillerson, afirmou esta sexta-feira na ONU que a ameaça da Coreia do Norte é real e pediu que o conselho de segurança da ONU tome medidas antes que seja o regime de pyongyang a fazê-lo.

  • Menina que nasceu com três pernas já corre após a cirurgia

    Mundo

    Uma criança do Bangladesh que cresceu com três pernas vai regressar a casa, depois de uma viagem até à Austrália, onde foi operada para retirar o membro a mais. Como resultado de um gémeo que não se formou por completo, a criança de três anos nasceu com uma terceira perna na pélvis. Alguns meses após a cirurgia, feita em novembro, a menina já corre.