sicnot

Perfil

Mundo

Resolvida avaria que suspendeu voos da Delta Airlines

© George Frey / Reuters

A avaria informática que hoje esteve na origem da suspensão dos voos da Delta Airlines já está resolvida e a circulação aérea está a ser retomada pouco a pouco, anunciou a transportadora aérea dos Estados Unidos.

Os voos estão a ser retomados "de forma limitada", realçou a companhia, na sua página na Internet, reconhecendo que as anulações e os atrasos vão continuar, devido às mais de três horas de suspensão da circulação aérea.

A avaria técnica na origem do problema foi causada por um corte de energia no terminal-sede de Atlanta, no Estado da Geórgia (Sul),que bloqueou o sistema informático e operacional, por volta das 02:30 locais (07:30 em Lisboa).

A Delta reconheceu que poderá haver "cancelamentos em larga escala" durante o dia de hoje -- para o qual tinha programado 3.300 voos.

As falhas de energia não são raras na aviação, mas as desta dimensão costumam levar vários dias a serem resolvidas.

A Delta Airlines, fundada em 1929, é uma das principais transportadoras aéreas dos Estados Unidos, opera mais de 5.400 voos por dia e voa para 64 países.

Lusa

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de quatro anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.