sicnot

Perfil

Mundo

EUA transferem 15 presos de Guantánamo para os Emirados Árabes Unidos

Quinze presos da prisão de Guantánamo foram transferidos para os Emirados Árabes Unidos, sendo o maior grupo libertado nos últimos anos, anunciou o Pentágono.

"Os Estados Unidos agradecem ao governo dos Emirados Árabes Unidos pelo seu gesto humanitário e vontade em apoiar os esforços dos Estados Unidos para fechar o estabelecimento prisional de Guantánamo", disse o Pentágono, em comunicado.

Com esta transferência, o número de presos que ainda se encontra na prisão de Guantánamo desce para 61.

A transferência dos presos tinha sido já anunciada pela Amnistia Internacional, mas o Pentágono tinha, até agora, recusado comentar essa informação.

A prisão foi criada quando George W. Bush era presidente dos Estados Unidos, para manter os prisioneiros da "guerra contra o terrorismo", depois do 11 de setembro de 2001.

O atual presidente norte-americano, Barack Obama, prometeu encerrar a prisão em 2009, mas isso não aconteceu até agora, apesar de as libertações terem acelerado nos últimos tempos.

Lusa

  • Comitiva portuguesa terminou visita à central de Almaraz

    País

    A visita técnica das delegações portuguesa e da Comissão Europeia à central nuclear de Almaraz, em Espanha, esta segunda-feira, já terminou. A visita começou por volta das 9h00, hora de Lisboa, e serviu para Portugal se inteirar sobre o funcionamento da central e sobre o projeto de construção de uma instalação para armazenamento de resíduos radioativos.