sicnot

Perfil

Mundo

Hollande pede a Merkel e Poroshenko para ser evitada violência na Ucrânia

Angela Merkel, François Hollande e Petro Poroshenko

© Axel Schmidt / Reuters

O Presidente francês, François Hollande, pediu esta terça-feira à chanceler alemã, Angela Merkel, e ao chefe de Estado ucraniano, Petro Poroshenko, para ser evitada qualquer escalada do conflito no este da Ucrânia.

Em comunicado, a Presidência francesa explicou que François Hollande reiterou aos seus interlocutores a sua disponibilidade para uma nova cimeira, no âmbito do chamado formato da Normandia (Ucrânia, Rússia, França e Alemanha).

François Hollande sublinhou que a França não reconhece, nem reconhecerá a "anexão ilegal" da Crimeia pela Rússia, mas também defendeu a necessidade de prosseguirem as negociações para se chegar a um consenso pacífico para aquela região ucraniana.

A solução, segundo a Presidência francesa, implicará o "restabelecimento da segurança, um cessar-fogo duradouro e a organização de eleições no âmbito da legislação ucraniana e o respeito dos direitos internacionais".

O Eliseu defendeu igualmente a aplicação do "conjunto dos acordos de Minsk".

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.