sicnot

Perfil

Mundo

Justin Bieber apaga conta do Instagram

Reuters

As críticas dos fãs às fotos publicadas com a atual namorada e uma discussão online com a sua ex, Selena Gomez, levou o cantor a apagar a conta da rede social Instagram.

Justin Bieber ameaçou, primeiramente, tornar a conta do Instagram privada (apenas os seguidores podem ver as publicações) depois de ser duramente criticado pelos fãs, após a publicação de fotografias com a sua atual namorada, Sofia Ritchie.

Selena Gomez entrou na discussão e "aconselhou" o cantor a não publicar fotos com a companheira, que haviam causado ódio entre os fãs.

"Se não sabes lidar com o ódio, pára de publicar fotos com a tua namorada - devia ser especial apenas para vocês os dois. Não te zangues com os fãs. Eles adoram-te e apoiaram-te antes de qualquer outra pessoa", comentou a ex-namorada de Justin Bieber.

O cantor respondeu: "Engraçado ver pessoas que me usaram para chamar a atenção a apontar-me assim o dedo".

Logo depois, Selena Gomez acusou-o de a ter traído "várias vezes", o que levou Justin Bieber a apagar a sua conta do Instagram.

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.