sicnot

Perfil

Mundo

Mansão da Playboy vendida por 88 milhões de euros

O fundador da revista Playboy, Hugh Hefner, vendeu a sua célebre mansão em Los Angeles por 100 milhões de dólares (cerca de 88 milhões de euros) ao seu vizinho Daren Metropoulos, informou esta terça-feira a imprensa local.

© Mario Anzuoni / Reuters

Hugh Hefner tinha inicialmente colocado a casa à venda por 200 milhões de dólares (cerca de 177 milhões de euros).

O contrato inclui de compra e venda inclui que Hugh Hefner, de 90 anos, possa residir na casa até ao resto da sua vida.

O fundador da revista Playboy comprou a casa, situada nas colinas de Holmby Hills, em Los Angeles, em 1970 por um milhão de dólares (cerca de 885 mil euros).

"A mansão da Playboy foi o centro criativo de 'Hef', a sua residência e o seu local de trabalho durante os últimos 40 anos e vai continuar a ser, mesmo que seja vendida", indicou, em comunicado, o diretor executivo da Playboy Enterprises, Scott Flanders, quando a casa foi colocada à venda.

O novo proprietário da casa, conhecida mundialmente pelas festas e as "coelhitas" da Playboy, é Daren Metropoulos, de 33 anos, diretor da empresa com o mesmo nome.

Daren Metropoulos adquiriu em 2006 a casa adjacente à mansão da Playboy e no futuro pretender unir as duas casas, que quando foram construídas, nos anos 20, faziam parte da mesma propriedade.

Lusa

  • Ronaldo terá colocado milhões de euros nas Ilhas Virgens britânicas
    4:15

    Desporto

    José Mourinho e Cristiano Ronaldo são apenas dois dos nomes da maior fuga de informação na história do desporto. A plataforma informática Football Leaks forneceu milhões de documentos à revista alemã Der Spiegel, entre os quais documentos que indicam que o capitão da seleção nacional terá colocado milhões de euros da publicidade nas Ilhas Virgens britânicas. Os dados foram analisados por um consórcio de 60 jornalistas, do qual o Expresso faz parte, numa investigação que pode ler este sábado no semanário.

  • Caravana com cinzas de Fidel chega este sábado a Santiago de Cuba
    2:01
  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.