sicnot

Perfil

Mundo

Suspeito de atear fogos na Califórnia detido

O suspeito de atear fogos na Califórnia, nos EUA, foi detido pelas autoridades esta segunda-feira. O homem, de 40 anos, foi identificado como responsável por duas dezenas de fogos que já detruíram 175 casas e mais de 30 mil hectares.

As chamas continuam a ser combatidas por mais de 1500 bombeiros e centenas de pessoas que tiveram que abandonar as casas ainda não puderam regressar e perceber o estado em que se encontram.
As autoridades dizem que na linha do fogo há mais de mil edifícios em risco.
Em Clayton e no condado de San Luis Obispo, foi declarado o estado de emergência.

  • Mais de 24 incêndios ativos na Califórnia
    1:56

    Mundo

    Incêndios de grandes dimensões ainda estão ativos na Califórnia desde o fim-de-semana. O primeiro fogo desta vaga começou há mais de três semanas e, de acordo com as autoridades, não há previsão de melhorias. Mark Giberson, um americano residente em Lower Lake, viu todas as suas memórias de vida desaparecer em menos de 24 horas.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11