sicnot

Perfil

Mundo

Não há portugueses entre os feridos registados no acidente de comboio em França

O Ministério dos Negócios Estrangeiros informou esta quarta-feira que não existe qualquer português entre os feridos registados no acidente de comboio ocorrido no sul de França.

"Não há qualquer estrangeiro acidentado", referiu fonte do Ministério Negócios Estrangeiros, segundo informações transmitidas pelas autoridades francesas.

Um comboio que fazia a ligação entre Nimes e Montpellier, no sul de França, colidiu contra uma árvore caída nos carris, provocando oito feridos graves e 50 feridos ligeiros, segundo os bombeiros.

O acidente ocorreu às 15:45 locais (14:45 em Lisboa), quando o comboio viajava a 140 quilómetros/hora.

O comboio, que transportava 219 passageiros, colidiu contra a árvore que caiu na sequência de uma forte tempestade de granizo que atingiu a região ao início da tarde.

Lusa

  • Fogo na baixa do Porto provoca quatro feridos, dois em estado grave
    1:38

    New Articles

    Um incêndio em três habitações na baixa do Porto, que deflagrou esta noite, provocou quatro feridos, dois em estado grave. O fogo que foi extinto pelos Bombeiros Sapadores do Porto causou cinco desalojados, dos quais quatro foram acolhidos por familiares e um realojado pela junta de freguesia. Desconhece-se a origem das chamas que destruíram três casas.

  • O primeiro dia de Donald Trump na Casa Branca
    3:05
  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.