sicnot

Perfil

Mundo

Parte do nosso bronzeado é intergaláctico

Reuters

O Sol não é o único responsável pela alteração do tom de pele. O bronzeado é possível graças a uma porção de luz de outras galáxias, mais além da Via Láctea.

Ao andar ao ar livre, o nosso corpo recebe milhares de milhões de fotões por segundo. A maioria vem do Sol, mas uma pequena fração - cerca de 10 mil milhões de fotões - vem de muito, muito, mas muito longe.

Os fotões viajaram pelo espaço durante milhões de anos até chegar à pele dos terrestres, revela uma estudo publicado na revista Astrophysical Journal. "Nasceram" no coração de estrelas ou matéria à medida que entravam num buraco negro.

A equipa de astrónomos, da Universidade da Austrália Ocidental, Universidade do Estado do Arizona e da Universidade de Cardiff, analisou dados recolhidos pela NASA Galaxy Evolution Explorer e pelos telescópios espaciais Spitzer e Hubble, pelo observatório Herschel da ESA e pelo Galaxy And Mass Assembly da Austrália.

  • As zonas de guerra que o fogo deixou
    3:13

    País

    A chuva finalmente ajudou na luta contra as chamas e o que fica agora é um cenário de devastação no norte e centro do país. Morreram 37 pessoas, arderam centenas de casas e empresas e há críticas severas à falta de meios.

  • O mapa das vítimas dos incêndios
    1:19

    País

    Aumentou para 37 o número de mortes na sequência dos fogos que assolaram a zona Centro do país desde o fim de semana. Feridos são pelo menos 71. Atualizamos aqui o mapa, segundo o último balanço da Proteção Civil.

  • Visto do céu, Portugal é um país que se vestiu de negro
    3:28
  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06