sicnot

Perfil

Mundo

Três mortos e dez feridos em violenta manifestação na capital do Mali

Pelo menos três pessoas morreram e dez ficaram feridas esta quarta-feira em Bamaco, quando uma manifestação de um grupo de jovens em frente a um tribunal desembocou em confrontos com a polícia, indicaram fontes médicas.

Milhares de manifestantes dirigiram-se esta quarta-feira de manhã para o tribunal de primeira instância da capital do Mali, situado no quarto bairro, para protestar contra a detenção e julgamento de um jovem 'blogger' muito popular, e depois irromperam pelo edifício do tribunal, noticiou a agência noticiosa espanhola Efe.

Os manifestantes bloquearam também os acessos ao bairro com pneus incendiados e o lixo dos contentores mais próximos.

Os agentes da polícia do Mali tentaram em vão fazer dispersar os manifestantes com gás lacrimogéneo, mas não conseguiram dissuadir muitos deles, que lhes atiravam pedras.

Fontes policiais acrescentaram que os veículos do Estado foram incendiados e alguns edifícios públicos saqueados pelos manifestantes e que as lojas da zona pura e simplesmente fecharam.

O 'blogger' Mohamed Yussef Bassili, mais conhecido como "Ras Badhilly", filho de um ministro do Governo do Mali, está a ser julgado por injúrias e difamação.

Lusa

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.