sicnot

Perfil

Mundo

Trump visita afetados pelas cheias no Luisiana e critica ausência de Obama

O candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, visitou esta terça-feira as zonas afetadas pelas inundações no Luisiana e criticou o Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, por ainda não ter visitado aquela estado.

As cheias no Luisiana provocaram pelo menos 13 mortos e destruíram 40.000 casas.

Donald Trump realizou uma visita rápida acompanhado pelo seu candidato à vice-presidência, Mike Pence, tendo-se deslocado a vários bairros atingidos pelas inundações e conversar com voluntários e vítimas das cheias.

"O Presidente disse que não pode ir, está a acabar uma partida de golfe", afirmou aos jornalistas Donald Trump, no final da visita.

Donald Trump salientou que o estado "precisa de ajuda".

"O que aconteceu aqui é incrível. Estou aqui para ajudar", sublinhou.

O governador democrata do Luisiana, John Bel Edwards, disse que pelo menos 70.000 pessoas se inscreveram como afetadas pelas inundações para receber ajuda do Governo federal.

Grandes extensões do território do Luisiana permanecem debaixo de água e 40.000 casas estão inundadas.

A Casa Branca anunciou hoje que Barack Obama vai deslocar-se ao Luisiana na terça-feira para falar com os responsáveis locais e perceber a forma como o Governo federal pode ajudar.

Lusa

  • Sismo abala centro de Itália

    Mundo

    A capital da Itália foi esta manhã sacudida por três sismos em apenas uma hora, de entre 5,3 e 5,7 na escala de Richter, não havendo até ao momento registo de vítimas.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".