sicnot

Perfil

Mundo

Sobe para 50 o número de mortos em ataque suicida na Turquia

Daesh apontado como o responsável pelo atentado em Gaziantep na Turquia

© Osman Orsal / Reuters

O gabinete do governador da província turca de Gaziantep, Ali Yerlikaya, anunciou hoje que o número de mortos causados pelo atentado num casamento perto da fronteira síria subiu para 50, com a presidência a responsabilizar o Estado Islâmico.


Em comunicado, o gabinete de Yerlikaya declarou que "o número dos mortos nos atentados terroristas é, neste momento, 50", elevando o balanço anterior que dava conta de 30 vítimas mortais.

O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, já afirmou que o ataque foi provavelmente levado a cabo pelo Estado Islâmico, acrescentando, citado pela Al-Jazeera, que a Turquia tem uma mensagem para os atacantes: "Não serão bem-sucedidos".

"Condenamos os traidores que organizaram e levaram a cabo este ataque", afirmou o governador da província num comunicado anterior, acrescentando que os responsáveis seriam "levados à justiça".

Mehmet Erdogan, deputado do Partido Justiça e Desenvolvimento (AKP, islâmico e conservador, no poder) disse que não era claro quem tinha sido o autor do ataque, mas que havia uma "elevada possibilidade" de se tratar de um ataque suicida.

O deputado acrescentou que era o tipo de atentado que podia ter sido perpetrado pelo grupo Estado Islâmico ou pelo Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

A explosão ocorreu no distrito de Sahinbey, com um elevado número de residentes curdos.

Segundo informações citadas pela AFP, o casamento tinha uma forte presença curda.

Lusa

  • Vários mortos em explosão na Turquia
    0:37

    Mundo

    As agências internacionais de notícias e também a BBC adiantam que há vários mortos e a Reuters fala em pelo menos oito mortos e 60 feridos. O alegado bombista suicida fez-se explodir numa festa de casamento na cidade de Gaziantep, perto da fronteira com a Síria. Pela proximidade, os primeiros relatos sugerem que possa ter ligações ao grupo jihadista.

  • Debate quinzenal no Parlamento: veja em direto e comente

    País

    As políticas de descentralização foram o tema escolhido pelo Governo para o debate quinzenal, mas a situação na Caixa Geral de Depósitos também deve marcar os trabalhos na Assembleia da República. Acompanhe aqui a discussão e participe no Minuto a Minuto SIC/Parlamento Global.

    Direto

  • Prioridades para a CGD: cortar custos e aumentar receitas
    2:16

    Caso CGD

    O principal objetivo do plano estratégico para a Caixa Geral de Depósitos, a que a SIC teve acesso, é cortar custos e aumentar receitas. A grande aposta da nova administração passa por apertar as regras para emprestar dinheiro e, por outro lado, recuperar o crédito que não está a ser pago.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Os dias na Terra estão a ficar mais longos

    Mundo

    Os dias estão a tornar-se mais longos, mas impercetivelmente, porque vão ser precisos 6,7 milhões de anos para aumentarem um minuto, segundo um estudo publicado quarta-feira pela Proceedings A da Royal Society britânica.

  • Leica: a marca lendária entre os fotógrafos
    5:54
    Futuro Hoje

    Futuro Hoje

    3ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    A Leica, das famosas máquinas fotográficas, abriu na semana passada a primeira loja em Portugal. Grande parte da produção da marca alemã é feita em Lousado, em Vila Nova de Famalicão, há 43 anos.