sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades iraquianas detêm adolescente com cinto de explosivos

© Ako Rasheed / Reuters

As forças de segurança iraquianas detiveram um adolescente que transportava à cintura um cinto de explosivos, disseram esta segunda-feira responsáveis iraquianos.

O ataque frustrado no domingo à noite é o último de uma série de incidentes de segurança em Kirkuk e surgiu um dia depois de um bombista suicida adolescente - entre 12 e 14 anos - ter causado pelo menos 54 mortos e 94 feridos, entre os convidados de um casamento na cidade turca de Gaziantep.

"As forças policiais conseguiram travar um bombista suicida que tinha um cinto de explosivos. Ele nasceu em 2001", disse o chefe da polícia de Kirkuk, general Khattab Omar Aref, aos jornalistas.

O responsável acrescentou que o rapaz pensava provavelmente acionar o cinto num local de culto xiita em Kirkuk, a 240 quilómetros a norte de Bagdade.

Imagens transmitidas pela televisão mostraram o rapaz de mãos no ar enquanto elementos das forças de segurança removiam o cinto de explosivos.

© Ako Rasheed / Reuters

Este incidente foi um de quatro registados em Kirkuk no mesmo dia. Num dos incidentes, um polícia alvejou um bombista suicida que tentava entrar num templo xiita.

"As forças policiais conseguiram frustrar uma operação terrorista que podia ter causado vítimas e uma catástrofe na província", declarou à agência noticiosa France Presse (AFP) o governador de Kirkuk, Najmeddin Karim.

Em Kirkuk, onde a segurança está sob controlo curdo, residem comunidades de turcomanos, sunitas e xiitas árabes.

Aref disse que os atacantes envolvidos na última série de incidentes entraram recentemente em Kirkuk, provenientes de Mosul, o último grande bastião do Daesh.

O Daesh tem usado com frequência crianças, que treina de muitos novos no seu autoproclamado califado na Síria e no Iraque, para perpetrar atentados suicidas.

Vários responsáveis militares, incluindo da coligação internacional liderada pelos Estados Unidos da América que combate o Daesh, disseram que o grupo extremista recorre cada vez mais a combatentes menores de idade, na sequência de uma série de derrotas.

Com Lusa

  • Incêndio de Setúbal "quase dominado"
    4:04

    País

    O incêndio que deflagrou segunda-feira em Setúbal está "quase dominado", segundo informações da presidente da Câmara. Maria das Dores Meira diz que não há feridos a registar e que os habitantes já vão regressando a casa. Para ajudar no combate ao fogo foram enviados meios de Lisboa.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.