sicnot

Perfil

Mundo

Centenas de voos cancelados no Japão devido a aproximação de tufão

A previsão de fortes ventos e chuva, devido à chegada de um tufão ao Japão, que se prevê atingir hoje Tóquio, já levou ao cancelamento de quase 400 voos.

Espera-se que o tufão Mindulle toque terra pelo meio-dia (hora local), movendo-se depois da capital japonesa para a região norte de Tohoku, segundo a Agência Meteorológica do Japão.

Com rajadas até 180 quilómetros por hora, a tempestade dirigia-se esta manhã para norte, a 25 quilómetros por hora, vinda da ilha de Miyake, indicou a agência.

Não há ainda registo de vítimas ou danos significativos em Miyake, uma ilha com cerca de 2.600 habitantes, conhecida pela pesca, turismo e agricultura.

"Em Tóquio (...) por favor tenha cuidado com os deslizamentos de terras, cheias nas zonas baixas, transbordo de rios, ventos violentos e ondas altas", aconselhou a agência meteorológica.

A tempestade levou companhias aéreas de todo o país a cancelar um total de 387 voos, a maioria de e para o aeroporto Haneda, em Tóquio, segundo a emissora nacional NHK.

A Japan Airlines anunciou o cancelamento de 145 voos domésticos, afetando 26.910 passageiros, enquanto a All Nippon Airways cancelou 96 voos domésticos, envolvendo 21.300 passageiros.

Os principais serviços de comboio em Tóquio e região circundante operaram normalmente durante a manhã, incluindo os de alta velocidade, de acordo com a East Japan Railway, o maior operador ferroviário da região.

Lusa

  • Souto de Moura feliz com distinção na Bienal de Arquitetura de Veneza
    1:10
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.