sicnot

Perfil

Mundo

Israel bombardeia posições em Gaza em resposta a disparo de rocket

© Ibraheem Abu Mustafa / Reuter

Aviões de guerra da Força Aérea israelita realizaram bombardeamentos no domingo sobre posições de grupos armados no norte de Gaza, causando dois feridos, em resposta ao lançamento de um rocket contra o sul de Israel, informaram fontes israelitas.

As fontes de segurança palestinianas indicaram que tanques israelitas posicionados na fronteira do nordeste de Gaza e Israel dispararam nove rondas sobre áreas agrícolas na localidade de Beit Hanun, no norte de França, sem causar vítimas.

Testemunhas relataram que aparelhos não tripulados e caças israelitas sobrevoaram a zona e lançaram 15 ataques consecutivos sobre postos e instalações pertencentes ao movimento islamita Hamas, à 'Jihad' Islâmica e à Frente Popular para a Libertação da Palestina.

O porta-voz do Ministério da Saúde em Gaza, Ashraf al Qedra, informou que dois civis ficaram feridos em dois bombardeamentos israelitas e foram levados para o hospital.

Fontes de segurança indicaram que na tarde e noite de domingo o exército israelita realizou bombardeamentos aéreos em Gaza em resposta ao disparo prévio do projétil contra o sul de Israel.

O 'rocket' atingiu uma zona residencial da cidade israelita de Sderot, vizinha de Gaza, sem provocar feridos.

O exército israelita confirmou os últimos bombardeamentos da Força Aérea e num comunicado indicou que tiveram como alvo posições do Hamas no norte da Faixa de Gaza.

A nota afirma também que desde o início de 2016 foram lançados 14 'rockets' a partir de Gaza, afetando Israel.

Uma fação armada salafista assumiu em comunicado a autoria do disparo de quatro 'rockets' contra Israel, um dos quais atingiu Sderot.

Israel e as milícias armadas em Gaza têm respeitado, com alguns altos e baixos, o cessar-fogo que pôs fim ao último conflito bélico na zona, em agosto de 2014.

Lusa

  • "Sinto-me como quem leva uma sova monumental"
    0:30
  • Temperaturas vão subir até 4ª feira

    País

    As temperaturas vão subir até esta quarta-feira, prevendo-se máximas entre os 22 e os 29 graus na generalidade do território, valores acima do normal para a época do ano, adiantou hoje a meteorologista Maria João Frada.

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC

  • Equipa responsável por renovação da Proteção Civil ainda não é conhecida
    2:45

    País

    A constituição da unidade de missão que deverá entrar esta segunda-feira em funções para concretizar a reforma dos sistemas de prevenção e combate a incêndios ainda não é conhecida. A equipa de trabalho anunciada por António Costa será responsável por pôr de pé o novo sistema de Proteção Civil, aprovado no Conselho de Ministros extraordinário de sábado.

  • "Quero unir o PSD depois de o clarificar"
    1:17
  • Quando o cão de Macron fez chichi no gabinete do Presidente francês
    0:31
  • Antigos presidentes dos EUA angariam 26 milhões para vítimas dos furacões
    0:58

    Mundo

    Os cinco antigos presidentes dos Estados Unidos da América ainda vivos juntaram-se para ajudar as vítimas dos furacões. Bill Clinton e Barack Obama lembraram as vítimas dos furacões e elogiaram o espírito solidário dos norte-americanos. Os antigos presidentes norte-americanos lançaram o apelo no início do mês passado e já conseguiram angariar cerca de 26 milhões de euros.