sicnot

Perfil

Mundo

Turquia sem pistas sobre autoria de ataque a casamento que fez 54 mortos

O primeiro-ministro turco, Binali Yildirim, declarou esta segunda-feira que a Turquia não tem "qualquer ideia" sobre quem foram os responsáveis pelo ataque a um casamento curdo, numa cidade próxima da fronteira síria, que fez 54 mortos.

"Não temos qualquer ideia sobre quem terão sido os perpetradores do ataque. Infelizmente, as informações iniciais sobre quem cometeu o atentado, em nome de que organização, não eram corretas", disse o governante à imprensa em Ancara.

Os comentários do chefe do executivo turco contradizem aparentemente os emitidos pelo Presidente, Recep Tayyip Erdogan, que declarou no domingo que o bombista era uma criança com idade entre os 12 e os 14 anos agindo sob as ordens do Daesh.

Yildirim rejeitou os "rumores" sobre se o atentado foi protagonizado por uma criança ou um adulto e insistiu em que as forças de segurança continuam o seu trabalho de apurar os responsáveis.

"Quem esteve por detrás do ataque será identificado, que não haja dúvidas quanto a isso", frisou.

O atentado, ocorrido no passado sábado numa festa de casamento ao ar livre na cidade de Gaziantep, no sudeste do país, foi o mais mortal este ano.

O país tem sofrido nos últimos 12 meses uma série de atentados atribuídos a ativistas curdos e ao Daesh.

Em junho, pelo menos 47 pessoas morreram num triplo atentado bombista suicida e tiroteio no aeroporto Ataturk, em Istambul, cuja autoria as autoridades atribuíram ao Daesh.

  • Polícia procura condutor da carrinha e outros dois suspeitos
    1:08
  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.

  • Um encontro português (e inesperado) em alto mar
    2:38