sicnot

Perfil

Mundo

Pinguim rei condecorado com a mais elevada honra militar da Noruega

Nils Olav é um pinguim, rei residente e membro honorário da Guarda Real da Noruega. Nos últimos dias, foi condecorado com um um novo título: Brigadeiro Sir Nils Olav.

O pinguim vive no Jardim Zoológico de Edimburgo, na Escócia, e é a mascote oficial da Guarda Real Norueguesa.

A história das várias condecorações remonta a 1972, quando a Guarda Real norueguesa se encontrava em Edimburgo para uma parada militar. Nessa altura, adotaram o primeiro Nils Olav - que acabou por morrer em 1987 -, o irmão do atual Sir Nils Olav. O nome Nils Olav foi dado aos dois pinguins em honra do rei Olav V da Noruega.

Em 1993, foi promovido a Sargento-mor e em 2005 tornou-se Coronel. Em agosto de 2008, Nils Olav recebeu o título de cavaleiro: uma condecoração aprovada e honrada pelo próprio rei Haroldo V da Noruega.

Cerimónia de 1993

Cerimónia de 1993

© Ian Waldie / Reuters

Agora, Sir Nils Olav foi promovido a Brigadeiro numa cerimónia especial no Jardim Zoológico de Edimburgo, que contou com mais de 50 militares noruegueses. O grau de Brigadeiro é a mais elevada honra militar na Noruega.

Barbara Smith, representante da Sociedade Real Zoológica da Escócia, disse ao jornal Metro: "este é um momento de orgulho, que representa a proximidade dos dois países".

O Brigadeiro Sir Nils Olav é assim o pássaro mais graduado do mundo.

Durante a cerimónia, o pinguim aproveitou para inspecionar os militares noruegueses.

Durante a cerimónia, o pinguim aproveitou para inspecionar os militares noruegueses.

© David Moir / Reuters

  • "Joguem à bola"
    1:35

    Desporto

    Cerca de uma centena de adeptos do Sporting esperaram até perto das 3:00 pela chegada da equipa ao estádio de Alvalade. Depois da eliminação da Taça de Portugal, em Chaves, foi necessário o reforço policial para garantir a segurança da comitiva leonina.

  • Acordo de concertação social assinado por todos os parceiros

    Economia

    Está assinado o acordo da Concertação Social que estipula a descida da TSU para as empresas como contrapartida do aumento do salário mínimo. Ao contrário do que é habitual, o momento não foi assinalado na sede do Conselho Económico e Social (CES), mas as assinaturas foram dvulgadas no Twitter.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.