sicnot

Perfil

Mundo

Mulher mata marido por faltarem ingredientes para refeição em Moçambique

Uma mulher foi detida em Gondola, centro de Moçambique, por suspeita de assassinar o marido à paulada, supostamente porque não comprou todos os ingredientes para confecionar o jantar, disse esta quinta-feira à Lusa fonte policial.

"O caso aconteceu há dois dias. Quando a mulher preparava o jantar, houve desentendimento com o marido, até que pegou um pau e agrediu-o até a morte", descreveu Elsidia Filipe, porta-voz do comando da Polícia da República de Moçambique (PRM) de Manica.

A mulher de 34 anos, grávida e mãe de três filhos, atacou o marido após dar-se conta de que a vítima tinha comprado peixe para o jantar, mas faltavam outros ingredientes, como óleo de cozinha, tomate e cebola, segundo a descrição da PRM.

É ainda suspeita de ter tentado esconder o corpo num quarto, mas os vizinhos acabaram por denunciar o caso à polícia.

Nos últimos dias a PRM em Manica teve de lidar com dois homicídios por supostos motivos passionais, depois um homem ter sido detido, na terça-feira em Chimoio, por suspeita de ter matado a mulher com uma arma branca.

"Após matar a sua esposa, este homem fugiu. Tivemos um aturado trabalho para detê-lo", disse Elsídia Filipe.

As estatísticas da PRM de Manica indicam que 26 pessoas morreram de janeiro até 22 julho nos distritos de Manica, Gondola, Chimoio e Sussundenga, Machaze e Mossurize, após se envolverem em lutas motivadas por acusações de traição ou uso de feitiçaria para destruir relações conjugais.

Lusa

  • Quatro pessoas assassinadas em Barcelos

    País

    Quatro pessoas, entre elas uma grávida, foram assassinadas hoje em Tamel, no concelho de Barcelos. As vítimas terão sido esfaqueadas e o suspeito já se entregou.

    Em desenvolvimento

  • Défice de 2016 fica nos 2,1%

    Economia

    O défice orçamental ficou nos 2,1% do PIB em 2016, em linha com o previsto pelo Governo. É o valor mais baixo em democracia. Está aberto o caminho ao fim do Procedimento por Défices Excessivos.

    Em desenvolvimento

  • Libertado o ex-Presidente egípcio Hosni Mubarak

    Mundo

    O ex-Presidente egípcio foi libertado hoje, depois de ter sido absolvido por um tribunal de recurso, no início deste mês. Hosni Mubarak estava agora confinado a um hospital militar. O antigo chefe de Estado tinha sido condenado em 2012 pela morte de manifestantes nos protestos da Primavera Árabe.

  • Comissão Europeia quer proibir o tabaco na praia

    País

    A Comissão Europeia quer proibir o tabaco em todos os espaços públicos, incluindo praias, parques infantis e equipamentos desportivos. A proposta foi apresentada pelo comissário da Saúde e Segurança Alimentar que, além de querer reduzir a dependência do tabaco, também sugere que todos os estados membros apliquem uma idade mínima para a venda de tabaco.

  • "Nós aceitamos sempre os resultados das eleições"
    1:07

    País

    Durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa, o líder dos sociais-democratas garantiu que o partido tem fair-play mas disse que está nas eleições autárquicas para ganhar. Pedro Passos Coelho acrescentou ainda que o PSD aceita sempre os resultados das eleições.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Data e local da canonização serão anunciados a 20 de abril
    2:23

    País

    O Papa aprovou esta quinta-feira o decreto que valida o milagre atribuído a Francisco e Jacinta. A data e local da cerimónia da canonização dos pastorinhos serão anunciados a 20 de abril, na reunião de cardeais no Vaticano. O Bispo de Leiria/Fátima acredita que a cerimónia possa ser a 13 de maio, durante a visita do Papa a Fátima.