sicnot

Perfil

Mundo

Turquia enviou seis novos carros de combate para a Síria

​A Turquia enviou hoje mais seis carros de combate para a Síria num momento em que os rebeldes apoiados por Ancara continuam a desminagem na cidade de Jarablos, tomada esta semana pelo grupo extremista Estado Islâmico, constatou a AFP.

O exército turco lançou na quarta-feira a operação "Escudo do Eufrates" no território sírio para retirar o Estado Islâmico (EI) da zona e travar o avanço das milícias curdas.

Os seis carros de combate entraram hoje de manhã em território sírio, constatou um fotógrafo da AFP na cidade de Karkamis, na fronteira turca.

Segundo o jornal Hurriyet, a Turquia tem atualmente 50 carros de combate e 380 soldados na Síria.

A operação "Escudo do Eufrates" foi considerada, por especialistas, como a maior lançada pela Turquia em território sírio desde o início do conflito sírio, em 2011.

Esta intervenção torna ainda mais complexo o conflito na Síria, que envolve vários países estrangeiros: Estados Unidos, Arábia Saudita e Turquia ao lado dos rebeldes, e Rússia e Irão do lado de Damasco.

Lusa

  • Dez feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    Uma embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia. O barco foi entretanto retirado da água e a marginal continua cortada ao trânsito.

  • PS apresenta Lei de Bases da Habitação para abrir debate sobre habitação acessível
    1:19

    Economia

    O PS quer avançar com uma Lei de Bases da Habitação. A proposta apresentada esta quinta-feira propõe a requisição de casas devolutas para habitação e apoios concretos para o arrendamento a preços acessíveis. O líder parlamentar do PS, Carlos César, diz que é tempo de abrir um debate sobre a habitação que acredita que pode resultar numa Lei ainda na atual legislatura.

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.