sicnot

Perfil

Mundo

Rajoy vai perguntar a Sánchez se quer novas eleições

O presidente do governo espanhol em funções, Mariano Rajoy, irá questionar, na segunda-feira, o líder do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Pedro Sánchez, sobre se este quer novas eleições.

O Partido Popular (PP) e o Cidadanos chegaram hoje a um acordo que viabiliza a investidura de Mariano Rajoy na chefia do governo.

O líder do PP, Mariano Rajoy, que falava aos jornalistas após a assinatura do acordo entre o PP e o Cidadanos, explicou que transmitirá a Pedro Sánchez o mesmo que tem dito desde as eleições de 20 de dezembro, ainda que agora conte com 170 assentos fruto dos acordos com o partido de Alberto Rivera e da Coalición Canaria.

"Alguns já fizemos a nossa parte", acrescentou antes de referir que confrontará diretamente Sánchez com a pergunta: "Quer que voltemos a repetir as eleições?".

Reiterando que não deseja repetição de eleições, poque seria "um disparate", Rajoy acrescentou que dirá ainda ao líder socialista que o PP conta com mais 52 assentos que o PSOE e que "é racional, democrático e de senso comum" que seja o PP a presidir ao Governo já que os espanhóis assim o ditaram.

O chefe do governo em funções acrescentou que dirá ainda a Pedro Sánchez que Espanha precisa de um governo com urgência e que a apesar de a economia esrae bem poderão começar a surgir problemas se a situação política se mantiver.

Ainda que uma aliança entre PP, Cidadanos e Coalición Canaria garanta 170 assentos dos 350 lugares, estes ficarão a seis votos da maioria absoluta necessária para passar na primeira votação marcada para quarta-feira próxima.

Na segunda votação, a realizar na próxima sexta-feira, a maioria simples é suficiente, mas será necessário que a oposição socialista se abstenha para que Mariano Rajoy ganhe.

Lusa

  • Incêndio em Lisboa faz um ferido
    4:13

    País

    Um incêndio de grandes dimensões deflagrou esta segunda-feira numa loja, na Avenida de Berlim, em Lisboa. O repórter André Palma esteve no local, onde ouviu o comandante dos Sapadores Bombeiros de Lisboa. Pedro Patricio confirmou que foi assistida uma pessoa por inalação de fumos e, por questões de segurança, os veículos estacionados perto do local foram retirados, assim como foi pedido às pessoas dos prédios à volta que saíssem por causa do fumo. O incêndio foi dominado.

  • "Rui Rio avisou que vinha para partir loiça dentro do PSD"
    3:00
  • Hugo Soares não deverá continuar como líder parlamentar do PSD
    3:17

    País

    Rui Rio não deverá manter Hugo Soares na liderança parlamentar do PSD. Fonte próxima do novo presidente social-democrata diz à SIC que dificilmente o líder da bancada poderá continuar no cargo. Aumenta a pressão para que Hugo Soares ponha o lugar à disposição e já começam a surgir nomes para o substituir.

  • Suspeita de militantes fantasma no PSD
    4:22

    País

    Perante a suspeita de militantes fantasma e de caciquismo, Salvador Malheiro, diretor de campanha de Rui Rio, diz que o ato eleitoral foi devidamente fiscalizado. Uma investigação do jornal Expresso encontrou oito filiados numa morada que não existe e 17 militantes com morada numa casa onde vivem nove pessoas e nenhuma é do PSD. A associação cívica Transparência e Integridade fala num vazio legal e em falta de regulamentação.

  • Cristiano Ronaldo está insatisfeito com o salário e pode sair do Real Madrid
    2:38