sicnot

Perfil

Mundo

Barack Obama e Erdogan vão reunir-se domingo na China

Os Estados Unidos anunciaram esta segunda-feira um encontro no domingo na China entre os presidentes norte-americano, Barack Obama, e turco, Recep Tayyip Erdogan, quando Ancara continua a sua ofensiva na Síria contra os turcos e o Daesh.

O encontro, à margem da cimeira do G20, será o primeiro entre os dois chefes de Estado, depois da tentativa falhada de golpe de Estado a 15 de julho na Turquia, que provocou tensões entre os dois países.

Ancara exigiu a extradição do clérigo Fethullah Gulen, exilado dos Estados Unidos e acusado pelas autoridades turcas de estar envolvido na tentativa de golpe de Estado.

A tensão foi agravada com a operação "Escudo Eufrates", lançada quarta-feira por Ancara contra os combatentes curdos e o Daesh na Síria.

A Turquia, que vive um conflito com os curdos no seu país, quer evitar que as questões na Síria formem um limite contínuo na sua fronteira com a Síria.

Os Estados Unidos já consideraram "inaceitável" o ataque da Turquia aos curdos na Síria, que são apoiados pelos norte-americanos.

"Afirmamos que aqueles confrontos são inaceitáveis e despertam a nossa profunda preocupação", referiu, em comunicado, o Pentágono.

  • PSD e CDS assinalam 36º aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro
    1:38

    País

    O presidente do PSD deixou críticas ao Partido Comunista, este domingo, a propósito do aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro. Pedro Passos Coelho lembrou os festejos dos comunistas na altura, numa resposta a quem questionou a abstenção dos sociais-democratas ao voto de pesar a Fidel Castro, que o PCP levou ao Parlamento. Este domingo, tanto o PSD como o CDS-PP prestaram homenagem a Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa.