sicnot

Perfil

Mundo

Barack Obama e Erdogan vão reunir-se domingo na China

Os Estados Unidos anunciaram esta segunda-feira um encontro no domingo na China entre os presidentes norte-americano, Barack Obama, e turco, Recep Tayyip Erdogan, quando Ancara continua a sua ofensiva na Síria contra os turcos e o Daesh.

O encontro, à margem da cimeira do G20, será o primeiro entre os dois chefes de Estado, depois da tentativa falhada de golpe de Estado a 15 de julho na Turquia, que provocou tensões entre os dois países.

Ancara exigiu a extradição do clérigo Fethullah Gulen, exilado dos Estados Unidos e acusado pelas autoridades turcas de estar envolvido na tentativa de golpe de Estado.

A tensão foi agravada com a operação "Escudo Eufrates", lançada quarta-feira por Ancara contra os combatentes curdos e o Daesh na Síria.

A Turquia, que vive um conflito com os curdos no seu país, quer evitar que as questões na Síria formem um limite contínuo na sua fronteira com a Síria.

Os Estados Unidos já consideraram "inaceitável" o ataque da Turquia aos curdos na Síria, que são apoiados pelos norte-americanos.

"Afirmamos que aqueles confrontos são inaceitáveis e despertam a nossa profunda preocupação", referiu, em comunicado, o Pentágono.

  • Guterres condena onda de violência em Myanmar
    0:43

    Mundo

    António Guterres condenou a onda de violência e discriminação contra os rohingya em Myanmar, na abertura da assembleia-geral das Nações Unidas. O secretário-geral da ONU pediu ainda às autoridades do país para acabarem com as operações militares e protegerem a comunidade ameaçada.

  • Furacão Maria deixa rasto de destruição na ilha Dominica
    1:52
  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22