sicnot

Perfil

Mundo

Dirigente político opositor na Venezuela foi sequestrado

O presidente da Câmara Municipal de El Hatillo, David Smolansky, denunciou hoje que o dirigente do partido da oposição venezuelana, Vontade Popular, Yon Goicochea, foi sequestrado em Caracas.

Segundo aquele responsável Yon Goicochea foi intercetado pelas 9h horas locais (14h horas em Lisboa), por um grupo de homens armados quando circulava na sua viatura, nas proximidades do túnel de La Trinidad, a sul da cidade capital da Venezuela.

"Supomos que o sequestro de Yon Goicoechea foi executado por funcionários da Direção Geral de Contra Inteligência Militar ou do Serviço Bolivariano de Inteligência (Sebin, serviços secretos)", escreveu na sua conta do Twitter.

Entretanto familiares do político denunciaram aos jornalistas que continuavam sem ter notícias e que "8 indivíduos armados" participaram no rapto, responsabilizando o Governo venezuelano por alegadamente ter ordenado o sequestro.

Com 32 anos de idade, Yon Alexander Goicochea Lara é advogado e político. Foi um dos principais organizadores do Movimento Estudantil Venezuelano que opôs-se a uma reforma da Constituição promovida pelo falecido líder socialista Hugo Chávez (presidiu o país entre 1999 e 2013), que em 2007 foi chumbada pelos venezuelanos.

Descendente de emigrantes naturais das Ilhas Canárias, recebeu, em 2008, o prémio Milton Friedman para o Avanço da Liberdade, outorgado pelo Instituto Cato dos Estados Unidos, que incluía um reconhecimento pecuniário por 500 mil dólares norte-americanos.

Acusado pelo chavismo de ser uma marioneta dos Estados Unidos, militou no partido Primeiro Justiça (direita), passando depois para o partido Vontade Popular (centro-esquerda).

Lusa

  • Costa preparado para falar da renegociação da dívida no plano europeu
    2:24

    País

    O primeiro-ministro não quer quebrar com as regras impostas pela UE e não vai dar o primeiro passo na renegociação da dívida, mas estará na linha da frente quando Bruxelas ceder. Em entrevista à RTP, António Costa garante que o Governo cumpriu tudo aquilo que acordou com o presidente demissionário da Caixa Geral de Depósitos, António Domingues.

  • Nova Deli é "altamente tóxica" para os cidadãos

    Mundo

    Nova Deli foi considerada altamente tóxica para os cidadãos. A capital da Índia é considerada há mais de três anos a cidade mais poluída do mundo, mas só este ano se concluiu que é tão tóxica que é capaz de provocar doenças crónicas a quem lá vive.