sicnot

Perfil

Mundo

Três jornalistas da Al-Jazeera detidos na Venezuela

Uma equipa composta por três jornalistas da cadeia televisiva Al-Jazeera foram hoje detidos pelas autoridades ao chegar Aeroporto Internacional Simón Bolívar de Maiquetía (norte de Caracas), denunciou o Sindicato Nacional de Trabalhadores da Imprensa (SNTP) da Venezuela.

A equipa, proveniente de Argentina, pretendia fazer a cobertura das atividades convocadas pela aliança opositora Mesa de Unidade Democrática (MUD) para 01 de setembro, dia em que a oposição venezuelana pretende "tomar" a cidade de Caracas, para exigir a realização de um referendo revogatório do mandado do Presidente Nicolás Maduro.

"Teresa Bo, correspondente, Lagmi Chávez, produtora, e o operador de câmara foram retidos em Maiquetía. Tiraram-lhes os equipamentos", denunciou o SNTP na sua conta do Twitter.

Segundo o SNTP, ao chegar a Maiquetía os jornalistas foram notificados pelas autoridades de que "as regras mudaram" e informados de que deveriam contactar o diretor do Serviço Autónomo de Imigração e Estrangeiros, Juan Dugarte.

"As autoridades pretendem deportá-los no primeiro voo para Bogotá", Colômbia, explicou o SNTP.

Lusa

  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.