sicnot

Perfil

Mundo

Sismo de 7,1 registado na Nova Zelândia

Um sismo de magnitude 7,1 na escala de Richter foi registado na madrugada de sexta-feira (quinta-feira em Lisboa) na Nova Zelândia. As autoridades da Nova Zelândia emitiram um alerta de uma potencial ameaça de tsunami.

Última atualização 19:20

O sismo teve o epicentro no mar, a 30 quilómetros de profundidade, a cerca de 167 quilómetros de Gisborne, ao largo da costa leste da ilha do Norte, uma das duas maiores ilhas da Nova Zelândia, segundo o Instituto de Geofísica Norte-Americano (USGS, sigla em inglês).

Até ao momento, não existem informações sobre eventuais vítimas ou danos materiais.

As autoridades de defesa civil da Nova Zelândia informaram que tinham emitido "um alerta de uma potencial ameaça de tsunami nas áreas costeiras da Nova Zelândia".

A rádio Nova Zelândia informou que os residentes das áreas costeiras do distrito de East Cape foram aconselhados pela defesa civil local a saírem daquela zona.

A mesma agência norte-americana relatou a ocorrência de pelo menos duas réplicas de magnitude 5,5 e 5,7.

Com Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.