sicnot

Perfil

Mundo

Exército turco mata pelo menos 20 rebeldes do PKK

O exército turco matou, na noite de quinta-feira, pelo menos 20 rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) no sudeste do país, informaram hoje a emissora CNNTürk e a agência de notícias privada Dogan.

Na mesma operação, na província de Hakkari e que contou com o apoio da força aérea turca, morreu também um soldado e outros seis ficaram feridos.

A imprensa turca assinala, também hoje, que o exército lançou outra operação contra o PKK na província de Tunceli, nordeste de Hakkari, com o apoio de helicópteros, sem que ainda se conheçam pormenores.

Noutro incidente, o PKK atacou hoje um veículo militar com uma bomba que explodiu à sua passagem numa rua na província de Bitlis, sudeste da Turquia, deixando dois soldados feridos.

O PKK e o Governo turco suspenderam em julho do ano passado um cessar-fogo que durava há mais de dois anos, e desde então morreram milhares de combatentes e centenas de soldados e agentes de segurança.

O PKK luta desde 1984 contra o Estado turco a favor de mais direitos para os 12 milhões de curdos no país.

Desde então morreram mais de 45 mil pessoas em confrontos e atentados.

Lus

  • Défice cai 1.900 milhões até agosto

    Economia

    O défice das administrações públicas foi de 2.034 milhões de euros até agosto, uma "melhoria de 1.901 milhões" face ao mesmo período de 2016, segundo o Governo, que justifica com aumento superior a 4% da receita.

  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Criar galinhas na cozinha, guerras no fogão, e drones dentro de casa
    7:28
  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.