sicnot

Perfil

Mundo

Turquia despede mais 10.000 polícias, juízes, procuradores e professores

A Turquia despediu mais 10.000 polícias, juízes, procuradores e professores universitários num decreto publicado esta sexta-feira que reforça a purga na administração pública após a tentativa de golpe de Estado de 15 de julho.

O decreto determina o afastamento de 7.669 polícias e 323 agentes da polícia militarizada, todos suspeitos de participar ou apoiar os golpistas.

Por outro lado, afasta 543 procuradores e juízes, fazendo ascender o total de despedimentos no aparelho judicial para 3.390, segundo o canal NTV.

O ensino superior é também novamente visado, com 2.346 académicos afastados, a juntar a outras 28.000 pessoas, milhares delas professores, despedidas na área da educação.

No exército, são afastados cerca de 800 militares, a maioria dos quais está sob custódia das autoridades, totalizando 4.451 membros das forças armadas afastados após o golpe, entre os quais cerca de metade dos generais no ativo.

O governo turco oficializou também esta sexta-feira 40.000 dos cerca de 80.000 despedimentos anunciados desde julho, que são tornados inapeláveis, e como tal, definitivos.

Entre outros, ficam definitivamente afastados da administração pública 28.100 funcionários da educação, 7.600 da segurança, 2.000 da saúde e 1.500 dos assuntos religiosos.

A Turquia acusa o pregador Fethullah Gülen e o movimento por ele fundado, o Hizmet, de ordenar e realizar o golpe falhado, que terminou com 270 mortos, 34 deles golpistas.

Gülen, exilado nos Estados Unidos desde 1999, nega qualquer implicação no golpe.

O ministro da Justiça anunciou esta sexta-feira que quase 34.000 presos, condenados por "crimes menores", foram libertados, o que ocorre pela segunda vez e parece justificar-se pela necessidade de criar espaço nas prisões para todos os detidos acusados de participação no golpe ou ligações aos golpistas.

Bekir Bozdag precisou que a libertação não corresponde a uma amnistia e que não abrange nenhum preso condenado por homicídio, terrorismo ou crimes contra a segurança do Estado.

Segundo a agência estatal Anadolu, a capacidade total das prisões turcas é de 187.351 pessoas.

Desde julho, a população prisional na Turquia aumentou mais de 200.000.

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC