sicnot

Perfil

Mundo

Organização pede aos designers de moda peças de maiores tamanhos nos desfiles

reuters

Uma organização britânica pela igualdade das mulheres pede aos designers de moda que tenham, para prova, peças de roupa em pelo menos dois tamanhos, na London Fashion Week.

Na campanha #NoSizeFitsAll, a associação apela ao Conselho Britânico de Moda que lidere a luta pela imagem do corpo saudável.

"Os designers fazem roupa de prova tão pequena que as modelos têm de passar fome para caber nelas", reclama a Women's Equality Party.

O objetivo, declarou à BBC, é travar o crescente número de mulheres e raparigas com desordens alimentares.

As imagens nos media das modelos, sustenta a organização, têm um impacto direto na forma como as mulheres veêm o seu corpo.

A WEF pede ainda a educação obrigatória nas escolas sobre a imagem corporal, uma mudança na lei que obrigue as modelos a ter um peso para saudável e que as revistas de moda tenham sempre um modelo com tamanho maior.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.