sicnot

Perfil

Mundo

Fortes chuvadas na Grécia provocam pelo menos três mortos

Pelo menos três pessoas morreram nas últimas 24 horas em Kalamata, no sul da Grécia, devido às fortes chuvadas que afetaram uma boa parte do país, informaram as autoridades locais.

Segundo informou à imprensa o presidente da autarquia de Kalamara, Panayiotis Nikas, uma mulher de 62 anos com deficiência foi encontrada morta em sua casa, situada nas imediações da capital.

Na mesma localidade de Kalamata, capital da região de Mesenia, foi encontrada igualmente sem vida uma outra mulher de 80 anos que vivia no sótão de um edifício.

Também um homem de 90 anos morreu numa povoação dos arredores, enquanto permanece desaparecida uma outra mulher que cuidava deste.

Os serviços dos bombeiros tiveram que atender centenas de chamadas com pedidos de auxílio, com as autoridades a qualificar este como o pior temporal em muitos anos.

Sete povoações mantêm-se isoladas porque as estradas de acesso estão inundadas.

As autoridades locais solicitaram aos responsáveis da região de Mesenia que seja declarado o estado de emergência.

Segundo as primeiras estimativas, também morreram vários animais como consequência das chuvas torrenciais.

Também em outros pontos do país, especialmente no centro e no norte, registaram-se fortes chuvadas, ainda que de momento não haja informações sobre vítimas.

Lusa

  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.