sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 38 mortos e 92.000 sem abrigo devido a inundações no Níger

Pelo menos 38 pessoas morreram e mais de 92.000 ficaram sem abrigo, desde junho, no Níger devido a inundações provocadas pelas fortes chuvas, particularmente nas zonas situadas no deserto, segundo as Nações Unidas.

"A 27 de agosto, havia 92.000 sem abrigo, 38 mortos e 27 feridos", precisou o boletim do Gabinete de Coordenação dos Assuntos Humanitários da ONU em Niamey, capital do Níger.

As chuvas provocaram também a morte a 26.000 cabeças de gado e destruíram 900 hectares de campos e destruiu mais de 9.000 casas, segundo a ONU.

"Cerca de 75% das pessoas afetadas pelas cheias estão localizadas nas regiões de Maradi (centro-sul), Tahoua (oeste) e Agadez (norte)", referiu a ONU.

O Níger é um dos países mais pobres do mundo e recebeu 300.000 refugiados e pessoas deslocados, que fogem do grupo extremista Boko Haram.

Lusa

  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42