sicnot

Perfil

Mundo

Facebook censura post de PM norueguesa com foto de rapariga vietnamita nua

O Facebook eliminou esta sexta-feira um post da primeira-ministra norueguesa com a célebre imagem de uma jovem vietnamita nua, queimada por napalm, o que pode ter constituído o primeiro caso de censura da rede social a um chefe de Governo.

Nick Ut

Nick Ut

O episódio desta sexta-feira, revelado pela própria primeira-ministra, Erna Solberg, é o culminar de uma polémica que dura há vários dias, quando o Facebook decidiu bloquear temporariamente a conta do escritor norueguês Tom Egeland por difundir a mesma imagem.

Na foto, que valeu ao repórter Nick Ut um Pulitzer, aparece uma jovem vietnamita de nove anos a correr nua enquanto foge de um bombardeamento de napalm da aviação norte-americana em 1972, durante a guerra naquele país do sudeste asiático. O Facebook considera que a célebre imagem contraria as suas regras sobre divulgação de conteúdos (fotos ou vídeos) com nudez.

Várias outras pessoas e meios de comunicação social seguiram depois o exemplo do escritor Tom Egeland - incluindo o principal jornal norueguês, o Aftenposten - divulgando a imagem, mas o Facebook advertiu-os para que retirassem a imagem.

Esta sexta-feira foi a vez da primeira-ministra norueguesa - muita ativa nas redes sociais.

"O Facebook comete um erro ao censurar fotos assim. Estamos a falar de uma imagem que contribuiu para a história universal, a imagem de uma criança aterrorizada que foge da guerra", escreveu esta sexta-feira Erna Solberg, num comentário ilustrado com a foto de Nick Ut.

Solberg elogiou a forma como o Facebook e outros meios lutam contra as imagens e conteúdos violentos, sobretudo relacionadas com crianças, mas criticou a "censura" de fotos como a de Nick Ut, sublinhando que esse comportamento contribui para "limitar a liberdade de expressão".

Horas depois este comentário foi eliminado do Facebook, denunciou a própria Solberg, que voltou a publicar a mesma imagem.

"Enquanto estava sentada no voo de Oslo para Trondheim, o Facebook apagou um comentário na minha página. O que está a fazer ao eliminar fotos deste tipo, independentemente das suas boas intenções, é reescrever a nossa história comum", afirmou.

O diário Aftenposten dedica toda a sua primeira página de hoje ao tema, não só reproduzindo a foto como divulgando uma carta aberta que o redator-chefe da publicação, Espen Egil Hansen, enviou ao fundador do Facebook, Mark Zuckerberg.

Na carta, Hansen diz que o Aftenposten não vai retirar, nem agora nem no futuro, a foto da sua página no Facebook.

"Escuta, Mark, isto agora é sério. Primeiro vocês fazem regras que não distinguem entre pornografia infantil e fotos de guerra famosas, depois aplicam-nas sem deixar espaço para o bom-senso e depois censuram também a crítica e o debate e castigam quem se atreve a criticar", escreve Hansen.

O Facebook já se defendeu. Um porta-voz afirmou que se o Facebook "reconhecer esta foto como icónica, depois fica difícil fazer uma distinção e autorizar ou não fotos de outras crianças nuas".

Lusa

  • Facebook censura fotografia de pai e filho

    Mundo

    Trata-se de uma fotografia que é mais do que homem nu com uma criança ao colo a tomarem duche. É um pai com o filho doente ao colo. Esteve horas com a criança ao colo, debaixo do chuveiro, numa tentativa de baixar a febre à criança. Não foi esse o entendimento do Facebook que mandou retirar a fotografia várias vezes e de outros utilizadores que a consideraram imprópria. A mãe, que captou o momento, insiste: não faz sentido.

  • Michelle Obama partilhou momento de despedida da Casa Branca
    1:43
  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Trabalhadores da saúde iniciam greve nacional

    País

    Trabalhadores da saúde estão esta sexta-feira a cumprir uma greve a nível nacional para reivindicar a admissão de novos profissionais, exigir a criação de carreiras e a aplicação das 35 horas semanais a todos os funcionários do setor.

  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Juiz brasileiro morto em acidente aéreo investigava corrupção na Petrobras
    1:28
  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.

  • Podem as plantas ver, ouvir e até reagir?

    Mundo

    Um professor de Ciências Vegetais da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, passou quatro décadas a investigar as relações entre vegetais e insetos. Na visão de Jack Schultz, as plantas são "como animais muito lentos", que conseguem ver, ouvir, cheirar e até têm comportamentos próprios.