sicnot

Perfil

Mundo

Milhares manifestam-se no México contra casamento entre pessoas do mesmo sexo

© Daniel Becerril / Reuters

Milhares de pessoas manifestaram-se no sábado em 120 cidades do México para protestar contra a iniciativa do Presidente Enrique Peña Nieto para reconhecer na Constituição o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Com palavras de ordem como "casamento deve ser entre homem e mulher", ou "ninguém nasceu de uma relação gay", os manifestantes, convocados por associações civis da Frente Nacional pela Família, percorreram as ruas de 29 estados, vestidos de branco e com balões coloridos.

Os cartazes e mensagens apoiavam o conceito de "família tradicional" e criticavam a iniciativa apresentada em maio pelo presidente a favor do casamento igualitário, apoiado no país pelo Supremo Tribunal de Justiça.

A iniciativa, que gerou fortes críticas da igreja católica, atualmente aguarda o debate no Congresso, e o partido no poder -- Partido Revolucionário Institucional (PRI) -- disse há algumas semanas que o tema não está "entre as prioridades" da próxima sessão legislativa.

Em Guadalajara, capital do estado ocidental de Jalisco, o coordenador da Frente, Jaime Cedillo, disse à Efe que não estão contra a união de homossexuais, mas contra isso ser equiparado ao matrimónio entre um homem e uma mulher.

A Frente Nacional para a Família prevê realizar, a 24 de setembro, uma manifestação nacional na capital mexicana.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.