sicnot

Perfil

Mundo

Acordo de defesa entre Israel e EUA vai ser assinado dentro de dias

O embaixador dos Estados Unidos em Israel, Daniel Shapiro, afirmou que o acordo no domínio da defesa que os dois países negoceiam há meses vai ser assinado dentro de dias, noticia hoje a rádio pública israelita.

O acordo visa satisfazer as necessidades em matéria de defesa de Israel até 2029 e constitui o mais amplo pacote de ajuda militar que os Estados Unidos concederam a o outro país, sublinhou Daniel Shapiro, no domingo, num centro académico de Herzliya, a norte de Telavive.

O diplomata mencionou a estreita cooperação que os dois países mantêm em matéria antiterrorista e insistiu que Washington continua a levar muito a sério as ameaças do grupo terrorista Daesh, do movimento islamita Hamas e do movimento xiita libanês Hezbollah.

As declarações do diplomata figuram como as primeiras a serem proferidas publicamente por um funcionário norte-americano ou israelita sobre o pacote de ajuda militar em causa em várias semanas.

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, tem previsto viajar no próximo dia 20 para Nova Iorque, a propósito da reunião da Assembleia-Geral das Nações Unidas.

Segundo o jornal Haaretz, se o acordo for selado antes da viagem de Netanyahu a Nova Iorque, espera-se que tenha lugar um encontro entre o primeiro-ministro israelita e o Presidente norte-americano, Barack Obama.

A assistência militar deverá alcançar os 38.000 milhões de dólares numa década - uma média de 3.800 milhões por ano -, detalha o mesmo jornal, dando conta de que, pela primeira vez, incluirá ajuda norte-americana a Israel para o desenvolvimento de sistemas de defesa antimísseis.

Como contrapartida, ainda segundo o mesmo jornal de Telavive, Israel compromete-se a não recorrer ao Congresso norte-americano de forma independente no âmbito da aplicação do acordo para solicitar ajuda adicional.

Com Lusa

  • Pecado da gula ameaça maior anfíbio do mundo

    Mundo

    O maior anfíbio do mundo está em sério risco de extinção. Iguaria muito apreciada no Oriente, a salamandra-gigante-da-China já praticamente desapareceu do seu habitat natural, concluiu uma pesquisa realizada durante quatro anos. Em contraste, milhões destes animais são reproduzidos em cativeiro e têm como destino restaurantes de luxo.

  • Reclusos limpam Ria Formosa
    3:01

    País

    Alguns reclusos do estabelecimento prisional de Olhão estão pela segunda vez a limpar a ilha da Armona, na Ria Formosa. São homens que beneficiam de regime aberto e, em fim de cumprimento de pena, têm com este trabalho uma amostra da liberdade que tanto aguardam.

  • Lembra-se dos olharapos da Expo'98? Estão de volta
    1:46