sicnot

Perfil

Mundo

Vídeo emocionante do reencontro de duas crianças após meses de separação

Vídeo emocionante do reencontro de duas crianças após meses de separação

Duas crianças que se conheceram num orfanato, na China estiveram separadas durante meses. Reencontraram-se e o resultado foi este. Veja o vídeo

A história passa-se entre a China e os Estados Unidos.

Hannah, 4 anos, vivia num orfanato onde conheceu Dawson de 3. Estavam sempre a brincar e tornaram-se melhores amigos.

A menina foi adotada e Dawson ficou no orfanato, triste por estar longe da amiga.

A menina foi viver para o Texas, para a casa de Sharon Kykes. A mãe adotiva percebeu que tinha de conseguir encontrar uma família para o menino. E assim foi. Dawson foi adotado pela família de Amy Clary, também do Texas.

No início do mês de setembro, e após uma separação de quase um ano, os dois reencontraram-se, no aeroporto Dallas/Fort Worth International.

O momento foi partilhado nas redes sociais e a alegria das crianças tornou-se viral.

  • Tribunal de Contas apresentou reservas em relação ao SIRESP em 2006

    Tragédia em Pedrógão Grande

    O Tribunal de Contas avisou em 2006 que o Estado poderia sair prejudicado nos moldes em que o Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal (SIRESP) estava a ser desenhado. De acordo com a edição de hoje do Jornal de Notícias, terão sido a ausência de um concurso público, a falta de tempo para a apresentação de propostas e mexidas no caderno de encargos a motivar as reservas do tribunal.

  • Relatório pedido pelo Governo PSD-CDS já apontava falhas no SIRESP
    2:26
  • Chef russo aconselha bife tártaro aos jogadores portugueses
    1:29
  • Bispo do Mali terá contas na Suíça com 12 M€
    1:49

    Mundo

    Há uma polémica a envolver um novo cardeal da Igreja católica. Um bispo do Mali, escolhido pelo Papa para o colégio cardinalício, está a ser relacionado com contas na Suíça onde estarão depositados milhões de euros. A cerimónia que o fará cardeal está marcada para hoje.

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.