sicnot

Perfil

Mundo

Emmanuel Macron é o preferido da esquerda nas presidenciais francesas

O ex-ministro da Economia francês Emmanuel Macron é o melhor posicionado para representar a esquerda nas eleições presidenciais de 2017, revela uma sondagem divulgada este sábado.

© Benoit Tessier / Reuters

Macron, que se demitiu do governo socialista em agosto para criar o seu próprio movimento político, "Em Marcha", lidera as intensões de voto (28%) de uma lista que inclui outras cinco personalidades e em que está na última posição o atual Chefe de Estado, o socialista François Hollande, com 8% das intensões de voto dos franceses.

Na sondagem do Instituto Odoxa para a cadeia de televisão "France 2", o líder da extrema-esquerda Jean-Luc Mélenchon surge com 18% das intenções de voto, o socialista Manuel Valls posiciona-se com 17% e os ex-ministros de Hollande, Arnaud Montebourg com 13% e Christiane Taubira com 9%.

Contudo, as percentagens mudam quando se pergunta apenas àqueles que simpatizam com a esquerda.

Neste caso, Mélenchon surge com 24%, à frente de Hollande (18 %), enquanto Macron vê reduzido o seu apoio para 15%.

Macron, no entanto, não confirmou abertamente a sua intenção de concorrer à presidência francesa em 2017 e Hollande diz que decidirá em dezembro se concorrerá ou não às eleições primárias da esquerda que se realizam em janeiro do próximo ano.

As eleições primárias do centro direita para eleger o candidato ao Eliseu, nas quais participam, entre outros, o ex-presidente Nicolas Sarkozy, de 61 anos, decorrerão entre 20 a 27 de novembro, a primeira e a segunda volta, respetivamente.

A candidata de extrema-direita Marine Le Pen, de 48 anos, líder da Frente Nacional, disse hoje num encontro do seu partido em Fréjus, na França, que a sua campanha presidencial "propriamente dita" não começará antes de fevereiro do próximo ano.

Lusa

  • Sérgio Conceição no radar do FC Porto

    Desporto

    O treinador português e os seus representantes têm marcada para esta sexta-feira uma reunião decisiva com o FC Porto. Sérgio Conceição poderá ser o sucessor de Nuno Espírito Santo no comando técnico dos dragões.

  • Morreu José Manuel Castello-Lopes

    Cultura

    O empresário de cinema morreu esta quinta-feira aos 86 anos. A notícia da morte foi avançada hoje pela Academia Portuguesa de Cinema na sua página de Facebook.

  • Madonna despede-se: "Glorioso! Lisboa, diverti-me imenso!

    Cultura

    "Glorioso! Lisboa, diverti-me imenso! Mal posso esperar para voltar um dia e descobrir todos os teus segredos." Foi com estas palavras que Madonna se terá despedido esta sexta-feira de Portugal. Juntamente com a mensagem, a cantora publicou ainda uma fotografia no Estádio do Benfica.

  • Grupo armado mata 28 cristãos no Egito
    1:03
  • PSD quer criar taxa sobre a Uber e Cabify
    1:21

    Economia

    O PSD quer criar uma taxa sobre a Uber e Cabify para regulamentar as plataformas de transporte. A proposta deu entrada esta sexta-feira, no Parlamento, e procura ser uma alternativa ao projeto lei do Governo para o setor.

  • Médico português a caminho de Mossul
    3:01

    País

    Um médico português vai partir para o Iraque, no final do mês, para integrar uma equipa dos Médicos Sem Fronteiras. Gustavo Carona vai para Mossul, uma cidade bastião dos jihadistas, que tem sido palco de uma violenta guerra entre o Daesh e as forças iraquianas.

  • Filho de Eduardo dos Santos gasta 500 mil euros em relógio

    Mundo

    Desta vez não é Isabel dos Santos que dá que falar, mas sim um outro filho do Presidente de Angola. Danilo dos Santos arrematou um relógio por 500 mil euros, num leilão em Cannes. O momento foi partilhado através de um vídeo no Instagram, no qual aparece o ator Will Smith a comentar que o jovem "parece demasiado novo para ter 500 mil euros".

  • O "chega p'ra lá" de Trump
    2:35
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28

    País

    O Presidente da República promete voltar ao Luxemburgo até ao final do ano, se houver mais 10 mil portugueses recenseados até julho. Marcelo Rebelo de Sousa participou esta quinta-feira na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, que todos os anos recebe milhares de emigrantes portugueses.

    Enviados SIC