sicnot

Perfil

Mundo

Polícia dos EUA mata homem negro desarmado cujo veículo se tinha avariado

Polícia dos EUA mata homem negro desarmado cujo veículo se tinha avariado

Uma agente da polícia de Tulsa, Oklahoma (EUA), matou a tiro um homem negro desarmado cujo veículo se tinha avariado numa estrada, num caso que as autoridades consideraram "muito preocupante". As autoridades tornaram público na segunda-feira o vídeo do caso.

O incindente, que ocorreu na passada sexta-feira, foi qualificado pelo o chefe da polícia de Tulsa, Chuck Jordan, como "muito preocupante".

O morto, identificado como Terence Crutcher, de 40 anos, tinha ficado parado na estrada, depois de a sua carrinha ter avariado.

No vídeo pode ver-se como Crutcher, de mãos ao alto, caminha na direção da sua carrinha, seguido pela agente Betty Shelby, que lhe aponta uma arma. Outros agentes acorrem rapidamente ao local, empunhando também as suas armas.

Ao fim de alguns segundos, Crutcher baixa os braços para procurar algo no interior do veículo, através da janela do condutor, momento em que é atingido por pelo menos um tiro vindo de Shelby, caindo no chão.

Crutcher acabou por morrer no hospital pouco tempo depois.

"Vamos fazer o que for correto, não vamos encobrir nada", declarou o chefe da polícia, indicando que o vídeo, a que assistiu com a família de Crutcher, "é muito difícil de ver".

Inicialmente, um porta-voz da polícia tinha indicado que Crutcher se recusou a obedecer a ordens dos agentes, incluindo manter os braços levantados.

Jordan pediu à comunidade para "manter a paz", depois de casos semelhantes no início do verão terem levado ao assassínio de cinco polícias em Dallas (Texas) e três em Baton Rouge (Luisiana).

Tanto Shelby como outro agente identificado como Tyler Turnbough foram suspensos das suas funções até ser concluída a investigação.

Com Lusa

  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Trump não escreve todos os tweets, mas dita-os

    Mundo

    O Presidente eleito dos EUA não escreve todos os tweets que são publicados na sua conta desta rede social, mas dita-os aos seus funcionários. Numa entrevista a um ex-secretário de Estado britânico, Donald Trump explica como usa a sua conta e garante que depois de ser investido Presidente, vai continuar a usar o Twitter para defender-se da "imprensa desonesta".

  • Depressão pode ser mais prejudicial para o coração do que a hipertensão

    Mundo

    Um estudo recente estabelece uma nova ligação entre depressão e distúrbios cardíacos. De acordo com a investigação publicada na revista Atheroscleroses, o risco de vir a sofrer de uma doença cardíaca grave é quase tão elevado para os homens que sofram de depressão, do que para os que tenham colesterol elevado ou obesidade, e pode mesmo ser maior do que para os que sofram de hipertensão.

  • "Estar na Web Summit foi dizer em empreendedorês: estamos vivos, estamos aqui!"

    Web Summit

    No seguimento da entrevista à blogger Sara Riobom, que conhecemos durante a WebSummit, trazemos a história de outro jovem português (que não trabalha sozinho) que esteve no evento, em Lisboa, a promover a sua startup. Quis o acaso e as peripécias do direto e do destino que acabasse por receber um visitante ilustre e especial no seu stand: nada mais nada menos do que o primeiro-ministro, António Costa. Recentemente estiveram no Shark Tank, onde conseguiram captar a atenção de um dos “tubarões” do programa da SIC. Mas o que queremos saber é…

    Martim Mariano