sicnot

Perfil

Mundo

Alterações climáticas ameaçam produção mundial de café

As alterações climáticas estão a ameaçar a produção de café. Um novo relatório, que analisou diferentes estudos, conclui que o aumento global da temperatura está a afetar o fornecimento de café na maioria dos países.

"Receamos que em 2050 possamos assistir a uma quebra de 50% na produção mundial de café", refere em entrevista à ABC News Molly Harriss Olson, diretor executivo do Comércio Justo da Austrália e Nova Zelândia, uma das organizações que financiou o relatório.

© Mario Anzuoni / Reuters

No topo das preocupações relativas à redução da produção de café está a possibilidade de, por volta do ano 2080, estar extinta a variedade de café selvagem, fundamental para os produtores.

O novo relatório intitulado "A Brewing Storm" foi elaborado pelo australiano Climate Institute, entidade independente sem fins lucrativos que se dedica ao estudo e investigação de questões relacionadas com alterações climáticas e ambiente.

Esta não é a primeira vez que se alerta para o problema da quebra da produção de café, em consequência das alterações climáticas, mas este documento tem o mérito de reunir e realçar os aspetos mais relevantes de várias investigações sobre o tema.

Em países como a Colômbia, o Brasil, a Etiópia e o Vietname, onde as temperatura subiram em média 1,3 graus Celsius, a produção de café já foi afetada. Na Tanzânia, onde 2,4 milhões de pessoas trabalham na indústria do café, a produtividade registou uma quebra de 50%, quando comparada com os valores de 1960.

© Sigit Pamungkas / Reuters

Um dos grandes problemas é que uma das duas principais variedades, o café Arábica, que representa 70% da produção global, é muito sensível ao calor. Com temperaturas elevadas, a planta desenvolve-se depressa demais e frutifica antes do tempo, afetando a qualidade do grão.

As consequências do aquecimento global na destruição das barreiras de coral ou no degelo dos glaciares têm sido amplamente divulgadas, mas o efeito do aumento da temperatura do planeta em algumas culturas tem também de ser acautelado. A produção de café não será a única a sofrer em grande escala com o flagelo ambiental.

  • Cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se em Lisboa
    3:55

    Economia

    Perto de cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se esta sexta-feira, em Lisboa. Os números são avançados pelos sindicatos. Os trabalhadores contestam a transferência de funcionários para empresas parceiras da Altice e outras empresas do grupo, sem as mesmas garantias e direitos. A Altice garante que as transferências são legais mas alguns funcionários já levaram o caso a tribunal.

  • Uma viagem aérea pela Lagoa Negra
    1:02
  • Videovigilância regista impacto de sismo na Grécia

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6.7 atingiu na quinta-feira o mar Egeu e causou pelo menos dois mortos e mais de 200 feridos. O momento e o impacto causado pelo abalo foram registados através de uma câmara de videovigilância de um café, na ilha grega de Kos, um dos locais mais afetados.

  • A sátira a Sean Spicer no Saturday Night Live
    1:36

    Mundo

    O estilo de Sean Spicer foi controverso desde o início. A relação conflituosa do ex-assessor da Casa Branca com os jornalistas foi muitas vezes satirizada na comunicação social. Um exemplo é um momento do Saturday Night Live, protagonizado pela atriz Meliissa McCarthy.

  • Músico indiano toca guitarra durante cirurgia ao cérebro

    Mundo

    Abhishek Prasad foi submetido a uma cirurgia ao cérebro esta quinta-feira, num hospital na cidade indiana de Bangalore, após anos e anos a sofrer de dolorosos espasmos nas mãos. O insólito do caso foi que o músico indiano teve de tocar guitarra para ajudar os médicos durante a intervenção cirúrgica.