sicnot

Perfil

Mundo

Mais de 2.200 agentes vão combater crime de sequestro na Venezuela

A Venezuela ativou esta sexta-feira um Plano Nacional Anti-sequestro (PNAS), com o qual as autoridades do país prevêm prevenir e combater os raptos e que arrancará com 2.200 funcionários de vários organismos policiais, em cinco regiões.

O novo PNAS foi ativado pelo ministro das Relações Interiores e Justiça venezuelano, Néstor Reverol, durante um ato que teve lugar no Forte de Tiuna, a principal base militar de Caracas.

"Para combater o flagelo do sequestro usaremos 2.100 funcionários do Comando Nacional Anti-sequestro (da Guarda Nacional, polícia militar) e mais de 100 oficiais da Polícia Nacional Bolivariana e do Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (Cicpc, antiga Polícia Técnica Judiciária)", disse.

Segundo o ministro, o PNAS estará concentrado, inicialmente, nos Estados venezuelanos de Miranda, Carabobo, Distrito Capital, Vargas e Zúlia, tendo sido habilitado o número telefónico "0800-secuestro"(0800-732.837.876) para que as pessoas denunciem situações irregulares.

"O plano tem como propósito fortalecer a prevenção do povo venezuelano, preservar a vida e a liberdade (...) estará composto por dois eixos estratégicos, prevenir e combater este delito", frisou.

As autoridades venezuelanas preveem ainda a instalação de uma unidade de atenção direta às vítimas e familiares de sequestrados.

A insegurança, entre ela os sequestros, são uma das principais queixas dos cidadãos que residem na Venezuela, registando anualmente alguns milhares de vítimas, e afeta por igual tanto a nacionais como a estrangeiros, entre eles os portugueses.

Com frequência, os cidadãos queixam-se de ineficiência policial no combate à criminalidade e a política queixa-se de que a população não denuncia todos os casos de sequestros.

Lusa

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • "O ministro não escondeu nem tapou"
    1:20

    Economia

    Pedro Santana Lopes falou pela primeira vez sobre a auditoria feita à Santa Casa no período em que foi provedor. Esta terça-feira, na SIC Notícias, Santana Lopes desvalorizou as irregularidades e defendeu o ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, Vieira da Silva.

    Pedro Santana Lopes

  • Constitucional chumba algumas normas da lei de barrigas de aluguer

    País

    O Tribunal Constitucional chumbou algumas normas do acórdão sobre as barrigas de aluguer. De acordo com o Expresso, a decisão já foi comunicada à Assembleia da República. A obrigatoriedade da regulamentação da lei ser feita pelo Parlamento e não pelo Governo terá sido unânime.

  • A história do bebé que continua a lutar pela vida depois de terem desligado as máquinas

    Mundo

    Alfie Evans sofre de uma doença cerebral degenerativa. A sua condição levou o caso à justiça e, depois de uma batalha judicial entre os pais e o hospital, os juízes determinaram que as máquinas do suporte artificial de vida fossem desligadas. Apesar de os aparelhos terem sido desligados na segunda-feira à noite, segundo os pais, a criança de 23 meses continua a lutar pela vida, respirando sozinha.

    SIC

  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • Marinha resgata 138 migrantes ao largo de Lampedusa

    País

    A fragata da Marinha portuguesa D. Francisco de Almeida resgatou esta terça-feira, ao largo da ilha de Lampedusa, em Itália, 138 migrantes, entre eles 15 mulheres e oito bebés, disse à Lusa fonte do Estado-Maior-General das Forças Armadas.

  • O recado de Donald Trump à Coreia do Norte 

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, exortou Pyongyang a eliminar todo o seu arsenal nuclear, precisando o que queria dizer exatamente ao apelar para a "desnuclearização" do regime totalitário, antes de uma aguardada cimeira com o líder norte-coreano.

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17