sicnot

Perfil

Mundo

Atirador abatido após ferir seis pessoas no Texas

Reuters

Seis pessoas foram hoje feridas a tiro num centro comercial de Houston, no estado norte-americano no Texas. O atirador foi abatido pela polícia.

Última atualização às 15:34

As vítimas têm ferimentos de diversa gravidade, com algumas a serem atingidas por estilhaços de vidro e outras pelos disparos, precisou Richard Mann, porta-voz dos bombeiros. Os feridos foram transportados para o hospital, indicou.

O autor dos disparos foi abatido pela polícia, que entretanto confirmou a sua morte no Twitter. O atirador não foi transportado de imediato para o hospital, com as equipas de desminagem a pretenderem assegurar que não transporta explosivos, sublinhou Mann.

O tiroteio terá ocorrido cerca de 06:30 (12:30 em Lisboa) no exterior de uma zona comercial situada perto do cruzamento das ruas Weslayan e Bissonnet, nesta metrópole que é a quarta cidade dos Estados Unidos.

Uma testemunha, a pessoa que ligou para os serviços de emergência, disse a uma televisão local que ouviu cerca de 30 tiros disparos. Disse ainda que o homem disparou durante pelo menos 15 minutos, antes da chegada da polícia.

As televisões norte-americanas mostraram o parqueamento de uma zona comercial, onde afluíram dezenas de veículos de socorro, e ainda viaturas com impactos de bala. As autoridades pediram à população para evitar o local.

O porte de arma visível na via pública é autorizado no Texas.

Com Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07