sicnot

Perfil

Mundo

Ex-responsável do FMI espanhol começa a ser julgado hoje

Começou hoje em Madrid o julgamento do antigo chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI) espanhol Rodrigo Rato, acusado de desvio de apropriação indevida quando dirigiu o banco Bankia, resgatado com fundos públicos.

O ex-chefe do FMI foi recebido com protestos no tribunal onde vai responder pelo alegado desvio de cartões de crédito corporativos, emitidos pelo grupo Bankia de Espanha.

Rodrigo Rato foi chefe do FMI entre 2004 e 2007 e uma importante figura dos governos do PP em Espanha, onde chegou a ser ministro da Economia entre 1996 e 2004.

  • Ex-vice-presidente do Governo de Aznar suspeito de fraude fiscal
    4:05

    Mundo

    A justiça espanhola apertou o cerco a Rodrigo Rato, antigo homem forte do Governo conservador de José Maria Aznar e antigo diretor do FMI. Rato está indiciado por branqueamento de capitais e de fraude fiscal e viu esta semana todas as contas bancárias congeladas. São mais de 70, em 13 bancos, a maioria espanhóis. O jornal Correio da Manhã garante que 3 dessas contas são do BES.

  • "Não partilhei SMS com ninguém"
    0:43

    Caso CGD

    António Domingues afirma que nunca revelou o conteúdo das mensagens trocadas com o ministro das Finanças sobre a entrega das declarações de património ao Tribunal Constitucional. O tema dos SMS foi abordado pelo ex-presidente da Caixa na sequência de uma pergunta do PCP sobre declarações feitas por António lobo Xavier no programa da SIC Notícias "Quadratura do Círculo".