sicnot

Perfil

Mundo

Paris vai abrir o primeiro parque nudista

Felipe Dana

A Câmara de Paris aprovou esta segunda-feira um plano para criar um parque exclusivo para nudistas na capital francesa. De acordo com a lei em França, os franceses podem pagar uma multa até 15 mil euros ou arriscar um ano de prisão se forem apanhados nus em público.

França é um dos principais destinos de nudismo no mundo. Contudo, o partido Os Verdes propôs dar um passo em frente nesta questão, ao criar uma área aberta para nudistas no centro de Paris. O Conselho Municipal de Paris teria de fazer uma votação sobre a proposta esta segunda-feira, mas mesmo antes, o vice-presidente da Câmara Bruno Julliard disse que a Autarquia iria apoiar a ideia.

De acordo com a lei em França, os franceses podem pagar uma multa até 15 mil euros ou arriscar um ano de prisão se forem apanhados nus em público.

Por exemplo, a piscina Roger Le-Gall em Paris tem as noites nudistas à segunda, terça e quarta-feira. Mas os membros dizem que o espaço se tornou numa vítima do seu próprio sucesso, com demasiada gente a aparecer.

Jerome A Pollos

O local exato do novo parque ainda não foi decidido, mas Julliard afirma que junto ao Sena - como foi proposto - estaria demasiado exposto. "Precisamos de achar o lugar perfeito, de modo a não chatear ninguém", disse Julliard ao The Telegraph.

Paris não será a primeira cidade europeia a criar um espaço destes. Berlim, Barcelona, Munique são algumas das cidades que já aderiram a esta ideia.

Com cerca de 100 praias e mais de 20 mil espaços para nudistas, França é a líder mundial no nudismo. De acordo com um estudo publicado em 2014, um em cada seis franceses estaria preparado para experimentar umas férias nudistas.

  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • "O fogo chegou de repente. Foi um demónio"
    2:15
  • O desabafo de um empresário que perdeu "uma vida inteira de trabalho" no fogo
    2:08
  • O testemunho emocionado de quem perdeu quase tudo
    2:10
  • As comunicações entre operacionais no combate às chamas em Viseu
    2:27
  • Houve "erros defensivos que normalmente a equipa não comete"
    0:38

    Desporto

    No final do jogo, quando questionado sobre a ausência de Casillas no onze do FC Porto, Sérgio Conceição referiu que a equipa apresentada era aquela que lhe oferecia garantias. Quanto ao jogo, o treinador portista reconheceu que a equipa cometeu vários erros defensivos.

  • "Cometemos erros e há que tentar corrigi-los"
    0:41

    Desporto

    No final do jogo em Leipzig, Iván Marcano desvalorizou a ausência de Iker Casillas e entendeu que o facto de o guarda-redes ter ficado no banco não teve impacto na equipa. Já sobre o jogo, o central espanhol garantiu que não correu da forma como os jogadores esperavam.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.