sicnot

Perfil

Mundo

Ataques a Alepo são "flagrante violação do direito internacional", alerta NATO

Reuters

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, considerou hoje que o bombardeamento de Alepo é "moralmente inaceitável" e uma "violação flagrante do direito internacional", pedindo à Rússia "esforços credíveis" para restaurar o cessar-fogo.

"Os chocantes ataques a Alepo impressionaram-nos a todos e a violência e os ataques que vimos, incluindo contra uma coluna de ajuda humanitária, são moralmente inaceitáveis e uma violação flagrante do direito internacional", disse Stoltenberg numa conferência de imprensa em Bratislava.

O secretário-geral da NATO não identificou o regime sírio ou as forças russas suas aliadas como responsáveis pelos bombardeamentos, mas as declarações foram feitas depois de as potências ocidentais terem endurecido o tom relativamente à Rússia, com os Estados Unidos a acusarem-na de "barbárie" e o Reino Unido e França de "crimes de guerra", palavras que Moscovo considerou "inaceitáveis".

Stoltenberg, que falava à imprensa após uma reunião de ministros da Defesa da União Europeia (UE) em Bratislava, considerou que a violência persistente na Síria "reforça a importância de encontrar uma solução diplomática e pacífica" para o conflito.

"Junto-me aos apelos internacionais à Rússia para que mostre esforços credíveis para restaurar a cessação de hostilidades, permitir a entrada de ajuda humanitária em Alepo e criar as condições para o reinício de negociações de transição mediadas pela ONU", disse.

Os bairros controlados pelos rebeldes em Alepo (norte) estão sob intensos bombardeamentos desde quinta-feira.

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.