sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades turcas prenderam 32 mil pessoas por ligações a Fethullah Gülen

© Reuters

Os tribunais da Turquia ordenaram a prisão de 32 mil suspeitos de envolvimento com o dissidente Fethullah Gülen, acusado da tentativa falhada de golpe de Estado, em 15 de julho, disse hoje o ministro da Justiça turco.

O ministro da Justiça da Turquia, Bekir Bozdag, disse à estação de televisão NTV que 70 mil pessoas estão a ser investigadas na sequência da intentona e que 32 mil continuam detidas. "Este processo continua", acrescentou o ministro turco.

O dissidente Fethullah Gülen, antigo aliado do Presidente da Turquia, atualmente exilado nos Estados Unidos, foi acusado de ter orquestrado a tentativa de golpe de Estado no passado dia 15 de julho.

Lusa

  • Tragédia de Vila Nova da Rainha foi há uma semana
    7:18
  • Escutas da Operação Marquês "não podem servir de prova"
    1:36

    Operação Marquês

    As defesas de José Sócrates e de Ricardo Salgado queixam-se que as escutas do processo Marquês estão infetadas por um vírus informático. Os advogados dizem que tal como estão as escutas não podem servir de prova. No entanto, o Ministério Público diz que estão reunidas as condições para começar a contar o prazo para a abertura de instrução.

    Luís Garriapa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Admirável mundo novo
    16:17