sicnot

Perfil

Mundo

Barroso recebe reforma antecipada de Bruxelas desde abril

JOS\303\211 COELHO

José Manuel Durão Barroso encontra-se a receber a reforma antecipada pelos seus serviços à frente da Comissão Europeia desde 1 de abril deste ano, disse hoje à Lusa fonte oficial da Comissão em Bruxelas.

"Um antigo membro da Comissão tem o direito a uma pensão vitalícia a partir da data em que alcance os 65 anos de idade", mas "pode pedir que o início do pagamento dessa pensão comece aos 60 anos", informou a Comissão.

Nesse caso, indicou ainda a mesma fonte, "aplica-se um coeficiente de redução", que, no caso de Durão Barroso é de 0,7, pelo que o ex-presidente da Comissão Europeia estará a receber uma pensão um pouco acima dos 7 mil euros.

O pagamento de uma pensão ou de uma pensão antecipada por Bruxelas, "não limita o direito de um antigo membro da Comissão de assumir um novo emprego. Assim como também não há qualquer lei que proíba a acumulação da pensão com o salário de um novo emprego", deixa claro a mesma fonte.

Apesar da inexistência de fundamentação legal, mais de 80 mil pessoas, de acordo com o site da Euronews, tinham assinado no final de agosto uma petição lançada na internet apelando aos serviços da Comissão Europeia para travarem o pagamento da pensão a Durão Barroso, alegando que o "comportamento" do antigo presidente da Comissão ao aceitar a presidência não executiva do banco de investimento norte-americano Goldman Sachs se revelava como "irresponsável" e "moralmente repreensível".

O texto da petição faz ainda referência ao papel da Goldman Sachs na crise do "subprime" nos Estados Unidos e na crise financeira da Grécia, considerando a escolha de Barroso ao aceitar a posição de "chairman" do banco norte-americano como um "símbolo desastroso" para a União Europeia e uma "dádiva de mão beijada aos eurofóbicos".

Lusa

  • Queixas sobre comércio online dispararam em 2017

    Economia

    A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (Deco) recebeu 1.642 reclamações sobre compras feita pela internet em 2017, numa média de quatro queixas por dia, número que sobe para 8.538 no caso da rede social Portal da Queixa.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Mais de 60% dos jovens não usam preservativo
    1:42
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52