sicnot

Perfil

Mundo

Ciudadanos propõe que Espanha use o mesmo fuso horário de Portugal

O partido espanhol de centro-direita Ciudadanos apresentou esta quinta-feira no parlamento uma proposta de resolução sobre um pacto para a flexibilização da jornada laboral, que inclui a sugestão de que Espanha passe a usar o mesmo fuso horário de Portugal.

O grupo parlamentar do Ciudadanos quer incentivos para as empresas que apliquem medidas de flexibilização da jornada laboral para todos os seus empregados.

Entre outras propostas, o partido pretende introduzir horários flexíveis de entrada e saída do local de trabalho, aplicar fórmulas de teletrabalho, reduzir o tempo reservado às refeições para 30 a 45 minutos, compatibilizar os calendários escolar e laboral e recuperar o fuso horário GMT (o mesmo de Lisboa no horário de inverno).

O Ciudadanos também defende a criação de um crédito fiscal adicional por cada criança com idade até aos três anos e incentivos para as empresas que ofereçam serviços de infantário aos seus trabalhadores.

A formação dirigida por Albert Rivera apela para a promoção ativa da igualdade de género dentro das empresas, para identificar as situações de discriminação na hora de tomar decisões sobre promoções e contratações.

O grupo parlamentar do Ciudadanos quer ver instaurada uma cultura de transparência no processo de seleção em todos os níveis de contratação e obrigar as empresas cotadas em bolsa a estabelecer objetivos claros de representação de mulheres em altos cargos e conselhos de administração.

Lusa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite