sicnot

Perfil

Mundo

Uma em dez crianças tem defesas contra a sida

© Anton Meres / Reuters

Uma em cada dez crianças tem um sistema imunitário muito semelhante ao dos macacos que impede o desenvolvimento da sida.

Uma infeção por VIH que não seja tratada mata 60% das crianças em dois anos e meio, mas uma infeção igual em macacos não é fatal. Um estudo publicado na revista Science Translational Medicine revela que há crianças cujo sistema imunitário se mantém "calmo" e a doença não se desenvolve.

Os cientistas analisaram o sangue de 170 crianças da África do Sul infetadas por VIH mas que nunca tinham sido tratadas com antirretrovirais e, mesmo assim, não tinham desenvolvido sida. As análises revelaram que as crianças tinham milhares de vírus da imunodeficiência adquirida em cada mililitro do seu sangue, o que normalmente levaria o sistema imunitário a reagir desmesuradamente e a tentar combater a infeção ou a doença desenvolver-se-ia. Mas nada disto aconteceu.

"Essencialmente, o que acontece é que o sistema imunitário está a ignorar os vírus", disse à BBC Philip Goulder, um dos investigadores da Universidade de Oxford. "Lançar uma guerra contra os vírus é por vezes a pior coisa a fazer".

O VIH ataca os glóbulos brancos - os guerreiros do sistema imunitário. Quando as defesas do organismo reagem até à exaustão para matar o vírus, muitas mais dessas células vão morrer devido aos níveis elevados de inflamação.

Para os cientistas, a forma como o sistema imunitário destas crianças reage ao vírus tem imensas semelhanças com a forma como os primatas não humanos de África lidam com o vírus da imunodeficiência símia (VIS). Cerca de 40 espécies destes primatas estão infetadas pelo vírus, mas não têm uma reação imunitária excessiva nem a doença.

Acontece que os primatas tiveram milhares de anos de evolução para desenvolver formas de combater a infeção.

"A seleção natural resultou nestes casos e o mecanismo é muito semelhante ao que vemos nestas crianças", afirmou Philip Goulder.

São precisos mais estudos para perceber exatamente como funciona este mecanismo do sistema imunitário das crianças, obter informação sobre como a doença se desenvolve e determinar tratamentos mais eficazes.

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura durante a noite. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vitima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.