sicnot

Perfil

Mundo

Ataque aéreo mata por engano 21 aliados do Governo em Mossul

Um ataque aéreo matou esta quarta-feira 21 combatentes de tribos sunitas aliadas das forças governamentais perto de Mossul, bastião do Daesh no norte do Iraque, informou um comandante local e um ministro.

Não foi esclarecido até ao momento se foi a Força Aérea iraquiana ou a coligação internacional liderada pelos Estados Unidos que atingiu por engano os combatentes.

O ataque ocorreu cerca da 01:00 local (23:00 de terça-feira em Lisboa) a leste da localidade de Qayyarah, a sul de Mossul, recapturada aos jihadistas em agosto.

As forças iraquianas estão a preparar um assalto final a Mossul, última cidade controlada pelo Daesh no Iraque.

Com Lusa

  • Filhos do ex-embaixador do Iraque acusados um ano e meio depois,
    2:51

    País

    O Ministério Público deduziu acusação contra Haider e Ridha, os filhos do antigo embaixador iraquiano em Portugal por tentativa de homicídio. Mas há dúvidas de que o julgamento se realize, uma vez que os agressores já não estão Portugal. Tudo aconteceu em agosto de 2016 em Ponte de Sor.

  • Suspeito de esfaquear companheira aguarda julgamento em prisão preventiva
    1:13

    País

    O homem suspeito de ter esfaqueado a companheira num posto de combustível, em Bragança, fica a aguardar julgamento em prisão preventiva. A vítima sofreu 48 golpes por todo o corpo à frente de uma filha menor. A mulher, de 33 anos, foi levada às urgências em estado grave, mas está livre de perigo.

  • Investigação à tragédia de Pedrógão concluída
    1:10
  • Alternativas para vender a sua casa
    8:58