sicnot

Perfil

Mundo

Furação Matthew faz 10 mortos no Haiti e obriga a adiar eleições

Um novo balanço parcial das autoridades do Haiti, divulgado na quarta-feira, dava conta de pelo menos 10 mortos no país devido à passagem do furacão Matthew, que motivou o adiamento das eleições gerais de 09 de outubro.

"É um balanço parcial porque recebemos outras informações que deverão demorar algum tempo a confirmar", afirmou à agência France-Presse o porta-voz do Ministério do Interior, Guillaume Albert Moléon, admitindo que a situação é "muito preocupante".

O balanço anterior indicava que pelo menos nove pessoas tinham morrido no Haiti e na República Dominicana, também na região das Caraíbas.

As equipas de socorro relatam um grande número de casas afetadas, além de campos agrícolas destruídos.

A zona de Grande Anse esteve mais de 18 horas sem comunicações, mas as autoridades conseguiram entretanto restabelecer o contacto.

Por outro lado, segundo a agência espanhola EFE, a entidade que organiza as eleições no Haiti anunciou na quarta-feira o adiamento das eleições previstas para o próximo domingo devido aos danos causados pelo furacão, que chegou ao país na terça-feira.

Em Miami, no território continental norte-americano, duas dezenas de companhias cancelaram na quarta-feira 50 voos de chegada e 49 de saída devido à aproximação do furacão.

Os Estados Unidos ativaram já planos de emergência em diferentes zonas.

Causando cheias e forçando dezenas de milhares de pessoas a deixar as suas casas, o Matthew é a pior tempestade em quase dez anos nas Caraíbas.

Depois do Haiti, o Matthew moveu-se para Cuba, a 15 quilómetros por hora, segundo o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos.

Lusa

  • Encontrado corpo da criança que desapareceu na praia de São Torpes
    0:55

    País

    O corpo da criança que tinha desaparecido na praia São Torpes, concelho de Sines, foi encontrado esta manhã fora de água, nas rochas, a 1,5 quilómetros do sítio onde tinha desaparecido, no passado dia 21. O alerta foi dado por um popular à Polícia Marítima, cerca das 8h00.

  • Não há aumentos salariais no Estado para o ano
    1:18

    Economia

    O ministro das Finanças confirma a alteração dos escalões de IRS em 2018. É uma das medidas prioritárias para o próximo ano, a par do descongelamento das carreiras na função pública. Numa entrevista à Antena 1, Mário Centeno admite que não vai haver aumentos salariais no Estado no próximo ano

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00
  • Marcelo diz que Europa não deve contar com benevolência dos aliados 
    1:19

    País

    O Presidente da República concorda com Angela Merkel, que este domingo defendeu que a Europa já não pode confiar a 100% nos países aliados. Numa conferência sobre o futuro da Europa, Marcelo Rebelo de Sousa defendeu que a União Europeia tem de assumir responsabilidades e protagonismo e não pode contar com a iniciativa e a benevolência dos aliados.

  • Merkel sugere que a Europa já não pode contar com aliados como os EUA
    1:45

    Mundo

    Depois das cimeiras do G7 e da NATO,e sem nunca mencionar Donald Trump, a chanceler alemã diz que é tempo de cada país tomar conta do próprio destino. As declarações de Angela Merkel foram feitas em Munique numa ação de campanha da CDU e evidenciam incómodo em relação às posições manifestadas pelos EUA.

  • Bombeiro alvejado durante assalto em Buenos Aires
    1:07

    Mundo

    A polícia argentina está a investigar o assalto e a agressão a tiro a um bombeiro em Buenos Aires. O homem de 30 anos foi atacado por três jovens, o momento foi captado pelas câmaras de videovigilância. As imagens mostram o exato momento em que o bombeiro foi atacado pelo grupo, perto de um quiosque de alimentação automático. De acordo com as informações disponíveis, a vítima terá sido alvejada seis vezes.