sicnot

Perfil

Mundo

Portuguesa na Florida relata cenário de devastação

Portuguesa na Florida relata cenário de devastação

Ontem por volta da meia noite, hora de Lisboa, já se podia respirar de alívio na Florida. Uma portuguesa que vive no estado norte-americano há 10 anos, Elizabeth Pereira, contou à SIC que optou por não fugir de casa mas diz que o cenário de devastação no seu bairro é grande.

  • "As pessoas tendem a não dar ouvidos às autoridades"
    4:42

    Mundo

    O furacão Mathew dirige-se agora para os Estados norte-americanos da Geórgia e da Carolina do Sul, depois de ter atingido a Flórida. O correspondente da SIC nos Estados Unidos, Luís Costa Ribas, diz que "as pessoas tendem a não dar ouvidos às autoridades" e por isso todo o dispositivo de prevenção foi reforçado para que não se repita um episódio semelhante ao que aconteceu com o Katrina. Esta sexta-feira Barack Obama aconselhou os cidadãos a dirigirem-se aos postos de ajuda existentes.

  • Português na Florida afirma que ventos continuam fortes
    4:01

    Mundo

    Eddie Branquinho está a viver na Florida e falou com a SIC sobre o furacão Matthew, que já fez um morto no estado norte-americano. O português diz que os ventos continuam fortes, mas já abrandaram um "pouco". Eddie Branquinho relata que está a ouvir as árvores caírem sobre a sua casa. O português falou ainda sobre a maneira como os oficiais pedem às pessoas para se prepararem para este tipo de situações.

  • Portuguesa em Orlando diz que não se vê ninguém na rua
    3:25

    Mundo

    Carla Duarte está num hotel na Florida, onde falou à SIC em direto sobre o furacão Matthew que está a afetar zona. A portuguesa diz que o vento está mais calmo, contudo o nevoeiro cerrado continua. Carla Duarte afirma ainda que não se vê ninguém na rua. Todas as informações - como manter-se dentro de casa - estão a ser dadas por televisão.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • Criança irrequieta domina noticiário britânico
    1:19

    Mundo

    Um noticiário da televisão britânica ITV recebeu em estúdio uma família que tinha uma criança muito irrequieta. O jornalista Alastair Steward não se importou com o comportamento da criança e entrou sempre nas brincadeiras.