sicnot

Perfil

Mundo

Pais indianos investigados após filha morrer devido a jejum de 68 dias

UMA SUDHIR

A polícia indiana está a investigar os pais de uma menina de 13 anos que morreu a semana passada depois de se sujeitar por motivos religiosos a um jejum de 68 dias.

As autoridades de Hyderabad querem averiguar se Aradhana Samdariya foi ou não forçada a fazer o jejum, apesar dos pais garantirem que a menina jejuou voluntariamente, seguindo o que recomenda o Jainismo, uma das religiões mais antigas da Índia.

Segundo a polícia, a rapariga viveu 68 dias a ingerir apenas água fervida. Morreu dois dias depois de ter parado o jejum.

Foi aberta uma investigação policial, depois de uma organização de defesa dos direitos das crianças ter apresentado uma queixa.

"Ela pediu permissão para fazer o upvaas - jejum de renúncia da comida. Pedimos-lje que parasse após 51 dias, mas ela não desistiu. O seu jejum foi voluntário. Ninguém a forçou", afirmou a mãe, Manshi Samdariya.

Apesar da garantia, o caso está a gerar muita polémica e vários ativistas sociais rejeitam por completo a defesa dos pais.

"A nação inteira devia ter vergonha por uma prática destas ainda existir", disse um ativista à BBC.

  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.