sicnot

Perfil

Mundo

Governo moçambicano estima que um milhão de pessoas sejam afetadas pelas cheias

Cerca de um milhão de pessoas poderão ser afetadas por cheias na época chuvosa que se aproxima em Moçambique e o país precisa de mais de nove milhões de euros para fazer face à situação, informou esta terça-feira o Governo.

Falando após mais uma sessão do Conselho de Ministros em Maputo, o porta-voz do órgão, Mouzinho Saíde, disse que as províncias de Niassa, Nampula, Cabo Delegado, no norte do país, Zambézia e Tete, no centro, serão as mais afetadas pelas cheias e o Plano de Contingência do Governo para responder à situação está orçado em 810 milhões de meticais (mais de nove milhões de euros).

"O Governo vai mobilizar 160 milhões de meticais [1, 8 milhões de euros], mas o défice será ainda considerável", afirmou o porta-voz do Conselho de Ministros, acrescentando que o país vai precisa de apoio para fazer face à época chuvosa entre 2016 e 2017.

Entre outubro e abril, Moçambique é sazonalmente atingido por cheias, fenómeno justificado pela sua localização geográfica, a jusante da maioria das bacias hidrográficas da África Austral, mas o sul do país é igualmente afetado por secas prolongadas e que este ano deixaram 1,5 milhões de pessoas em situação de insegurança alimentar.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.